Não pegaria tanto contra o Fluminense - Futebol - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Marcos brinca com Deola: Não pegaria tanto contra o Fluminense

Arqueiro reserva foi alvo de xingamentos e copos dágua atirados por parte da torcida do Palmeiras pela boa atuação contra o clube das Laranjeiras

Gazeta Esportiva |

A experiência de Marcos sempre é usada para apagar incêndios no Palmeiras. Desta vez, o camisa 12 teve a função de acalmar Deola, seu companheiro de posição, após as críticas da torcida palmeirense pelas defesas realizadas contra o Fluminense em Barueri.

Toda a polêmica ocorreu em função do interesse dos palmeirenses em ver o rival Corinthians prejudicado na briga pelo título nacional. Deola acabou hostilizado por uma série de grandes intervenções diante do Fluminense, que precisava da vitória para seguir na ponta da classificação.

"O Marcos me falou: 'eu não conseguiria pegar tanto contra o Fluminense'. Na verdade, ele disse que já não conseguiria (pelas limitações físicas) pular em algumas bolas que defendi", afirmou o camisa 22, em entrevista à "TV Globo".

Deola já se mostra mais tranquilo em relação à reação de alguns torcedores organizados no domingo. Ele sabe que não representa toda a torcida do Palmeiras. Ainda assim, ele ressalta a dificuldade psicológica de ter enfrentado o Fluminense.

"Não adianta esconder, passa pela cabeça de qualquer um a pressão que seria uma vitória naquela partida. Mas nunca iria jogar minha carreira de 11 anos no lixo", reiterou o goleiro do Palmeiras.

Leia tudo sobre: campeonato brasileiropalmeiras

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG