Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Marco Aurélio nega problemas com "egocêntrico e passional" Leco

Apesar de ser contra a reeleição de seu amigo Juvenal Juvêncio, Marco Aurélio também não sabe se Leco seria o candidato ideal

Gazeta |

O ex-superintendente de futebol do São Paulo, Marco Aurélio Cunha, confirmou neste domingo que não tinha uma relação tão harmoniosa com o vice-presidente do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco. Em entrevista ao programa Mesa Redonda, o ex-dirigente falou sobre o "egocentrismo" do homem-forte do departamento de futebol tricolor.

"Não tive problemas com ele. Nós poderíamos ter mais harmonia no final, conversado um pouco mais, mas tenho muito carinho por ele e é um grande são-paulino. Ele é egocêntrico e passional, mas só isso, são suas características e não me cabe julgar", comentou.

Apesar de ser contra a reeleição de seu amigo Juvenal Juvêncio, Marco Aurélio também não sabe se Leco seria o candidato ideal da situação. O vice-presidente de futebol era nome forte para disputar à presidência, caso Juvenal não se candidatasse.

"Pela fila, talvez (Leco fosse candidato). Pela absorção, tenho certa dúvida", completou o ex-superintendente do Tricolor, que deixou oficialmente o cargo na semana passada.

Leia tudo sobre: são paulomarco aurélio cunhaleco

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG