Técnico do time paranaense pede paciência aos jogadores e diz esperar por outras retrancas no Campeonato Brasileiro

Após a derrota para o Atlético-GO , em casa, na estreia do Campeonato Brasileiro, o técnico do Coritiba, Marcelo Oliveira, viu pontos positivos em sua equipe, que, após conseguir a marca de 24 vitórias consecutivas, vem de três jogos sem triunfos.

"Ficaria muito chateado se o time não tivesse lutado. Mas buscamos, fizemos tudo que poderíamos, e, no melhor momento do Coritiba, em que o pressionávamos e o gol estava perto, sofremos o gol. Se podemos tirar algo de bom desta derrota é a luta do time e tomar isso como um aprendizado para jogos futuros", analisou o comandante do Coxa.

Para ele, a forma retraída como atuou o time goiano poderá acontecer com outros rivais, portanto o treinador pede que sua equipe seja paciente. "Nós sabíamos que eles viriam com um time muito atrás, jogando no contra-ataque ou com a bola parada. Vamos encontrar muito disso, times fechados. Por isso, precisamos ter paciência", disse Marcelo Oliveira, que não achou justo o resultado.

"O adversário marcou forte, saía no contra-ataque em velocidade, mas erramos alguns passes que normalmente não erramos. Com a bola, tentávamos criar, mas não conseguimos. Pelo que os times apresentaram, não considero um resultado justo", completou.

O elenco paranaense agora recebe folga e se reapresenta na terça-feira de manhã, pensando na Copa do Brasil. Nesta quarta, a equipe decide uma vaga para a final, em casa, contra o Ceará. No jogo de ida,  os times empataram por 0 a 0 .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.