Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Marcelo Bielsa deixa o comando da seleção do Chile

Harold Mayne-Nicholls, que tem o apoio do treinador, foi derrotado pelo empresário Jorge Segovia nas eleições presidenciais da Associação Chilena de Futebol (ANFP)

iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237861874392&_c_=MiGComponente_C

O argentino Marcelo Bielsa deixará o cargo de técnico da seleção chilena. Com a derrota eleitoral do atual presidente da Associação Chilena de Futebol (ANFP), Harold Mayne-Nicholls, para o empresário Jorge Segovia, o argentino confirmou a decisão. Não vou trabalhar com o senhor Segovia. O dia que Harold abandonar o comando do futebol no Chile, eu vou embora, afirmou o técnico na quarta-feira.

Participaram da eleição da ANFP os representantes dos 18 clubes da primeira divisão e 14 da segunda. Os votos dos presidentes dos times da série A valem por dois. Segovia venceu o pleito por 28 a 22.

Getty Images
Na Copa do Mundo, o Chile de Bielsa foi eliminado pelo Brasil nas oitavas de final

Bielsa assumiu o comando da seleção chilena em agosto de 2007. Em três anos de trabalho, classificou a equipe para o Mundial de 2010. Na África do Sul, foi eliminado pelo Brasil, nas oitavas de final. A derrota não diminuiu a adoração dos chilenos ao treinador.

Em seu primeiro discurso após perder as eleições, o atual presidente da Associação Chilena de Futebol afirmou que contar com Bielsa foi um luxo para o país. Temos que agradecer muito a ele, completou Mayne-Nicholls.

Leia tudo sobre: argentinachilecopa do mundofutebol internacional

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG