Técnico disse que não é intrasigente com questões pessoais, mas lembrou que há atletas que fazem sacrifícios para estar na seleção

Gazeta Press
Mário Fernandes ainda não esclareceu qual "motivo pessoal" o levou a recusar a seleção
Mano Menezes teve que abordar temas polêmicos nesta terça-feira. Na questão do lateral direito Mário Fernandes , que desistiu da convocação de forma surpreendente , o treinador não fechou totalmente as portas da seleção brasileira , mas deixou a entender que o atleta terá muito trabalho para ganhar uma nova oportunidade.

"Tivemos uma conversa geral e respeito questões particulares. Não sou intransigente, mas em qualquer lugar existem regras para cumprí-las. Alguns estão aqui com dor e cansaço. Isso precisa ficar claro na nossa relação", disse.

Relembre outros casos de jogadores que recusaram a seleção brasileira

Mano Menezes também reclamou da decisão da Argentina em convocar opções do Campeonato Brasileiro , como os meio-campistas Bolatti e Guiñazu (Internacional), além de Montillo (Cruzeiro). Ele considera que o rival está em vantagem na regra do confronto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.