Tamanho do texto

Jogando em casa, Chicharito e Park fizeram os gols da equipe, com Drogba descontando para os visitantes. Ramires foi expulso

No duelo inglês das quartas de final da Liga dos Campeões da Europa, deu Manchester United . Jogando em casa, equipe comandada por Alex Ferguson voltou a derrotar o Chelsea por 2 a 1 e está na semifinal da competição.

O adversário sai do confronto desta quarta-feira entre Schalke e Inter de Milão , em Gelsenkirchen, na Alemanha. No jogo de ida, disputado na Itália, a equipe germânica fez 5 a 2 nos atuais campeões.

Durante os 90 minutos da partida realizada em Old Trafford, casa do Manchester, o Chelsea esteve melhor. Carlo Ancelotti escalou Fernando Torres e Anelka no ataque titular, deixando o marfinense Drogba no banco de reservas. Os brasileiros Ramires e Alex também começaram jogando.

Nos donos da casa, Rooney e Chicharito Hernández formaram a dupla ofensiva. E foi justamente o jovem mexicano que abriu o placar no final do primeiro tempo, após receber passe de Giggs. Na segunda etapa, com Drogba em campo, o Chelsea foi em busca do empate, apesar da expulsão de Ramires. O marfinense deixou tudo igual tocando na saíde de Van der Sar, mas, no minuto seguinte, Park marcou para os anfitriões e decretou o placar final.

Ramires foi expulso no segundo tempo de jogo
Getty Images
Ramires foi expulso no segundo tempo de jogo
O jogo
Precisando vencer na casa do adversário, o Chelsea começou a partida bem melhor que o Manchester United. O primeiro lance de perigo aconteceu aos 11 minutos, quando Fernando Torres recebeu cruzamento na área e cabeceou à esquerda do goleiro Van der Sar.

Três minutos depois, o Chelsea voltou a assustar. Ashley Cole cruzou da esquerda, Torres recebeu de costas para o gol e rolou para Anelka chegar batendo de fora da área. A bola raspou a trave do arqueiro holandês e saiu. No lance seguinte, Malouda invadiu a área e tocou para Lampard chutar de primeira. Van der Sar caiu e fez a defesa.

Sem dar espaço para o Manchester, o Chelsea teve mais uma boa chance aos 22 minutos. Torres tentou chutar de esquerda, mas furou bisonhamente. A bola sobrou fora da área para Anelka, que ajeitou e finalizou com muito perigo por cima do gol.

Aos 26 minutos, numa das poucas investidas dos donos da casa, Rooney cruzou da direita e Chicharito marcou de cabeça. O bandeirinha, porém, marcou impedimento, confirmado pelo árbitro.

Antes do intervalo, aos 43 minutos, Chicharito marcou de novo. E dessa vez valeu o gol. Após boa trama pela direita, onde O'Shea deu belo passe em profundidade para Giggs, o jogador galês invadiu a área e cruzou na medida para o atacante mexicano fazer a festa em Old Trafford: 1 a 0.

No segundo tempo, Ancelotti mudou o Chelsea e colocou Drogba na vaga de Fernando Torres. Com apenas um minuto em campo, o atacante marfinense teve uma boa chance após cruzamento de Ivanovic, mas ele foi travado na hora de concluir e a bola sobrou limpa para Van der Sar.

Aos seis, Ashley Cole chegou bem pela esquerda, fez o cruzamento e, no rebote da zaga, Malouda pegou de primeira, de fora da área, mas a bola passou à direita do gol do Manchester. Cinco minutos mais tarde, Drogba apareceu de novo com eficiência ao chutar de fora da área com muito perigo, à esquerda do goleiro holandês.

Melhor no jogo, o Chelsea teve outra boa chance em cobrança de falta pela direita. Drogba chutou com força para dentro da área, Van der Sar espalmou e afastou o perigo. Aos 22 minutos, após cobrança de escanteio, o zagueiro brasileiro Alex quase empatou para os visitantes. A cabeçada, porém, saiu pela linha de fundo.

Chicharito, autor do primeiro gol do jogo, comemora com Rooney. Manchester classificado
AP
Chicharito, autor do primeiro gol do jogo, comemora com Rooney. Manchester classificado
Aos 23, o Manchester apareceu pela primeira vez no ataque na etapa complementar. Nani recebeu na entrada da área, pela meia esquerda, e chutou com muito veneno. O arremate foi defendido por Cech, que mandou para escanteio. Na sequência, quase Giggs marcou de cabeça, completando bom cruzamento de Rooney. O goleiro do time londrino fez a defesa.

As coisas se complicaram ainda mais para o Chelsea quando Ramires levou cartão vermelho, aos 25 minutos. O brasileiro cometeu falta por trás em Nani e, como já havia levado o amarelo no primeiro tempo, foi expulso pelo árbitro.

Mesmo com um a menos, o Chelsea continuou pressionando em busca do empate. Aos 28, Drogba recebeu na área, girou com facilidade sobre a marcação de Vidic e bateu cruzado de esquerda. Van der Sar defendeu no meio de gol.

De tanto insistir, Drogba marcou aos 32 minutos e empatou a partida. Essien fez um belo lançamento para o atacante, que dominou no peito e tocou com categoria por baixo do goleiro adversário. Mas não deu nem tempo para comemorar. Na saída de bola, Park Ji-Sung recebeu livre na área e bateu com força, cruzado, para vencer Cech e recolocar o Manchester na frente do placar.

No fim, o Chelsea teve mais um oportunidade em um chute de longa distância de Malouda, mas Van der Sar fez outra boa defesa e garantiu a vitória do Manchester United.

FICHA TÉCNICA
MANCHESTER UNITED 2 x 1 CHELSEA

Local : Estádio Old Trafford, em Manchester, Inglaterra
Data : 12 de abril de 2011, terça-feira
Horário : 15h45 (de Brasília)
Árbitro : Olegário Benquerença (Portugal)
Assistentes : Bertino Miranda e João Santos (ambos de Portugal)
Árbitros Assistentes : Artur Soares Dias e Carlos Xistra (ambos de Portugal)
Cartões amarelos : O'Shea e Evra (MAN); Ramires, Malouda e Terry (CHE)
Cartão vermelho : Ramires (CHE)

GOL :
MANCHESTER: Chicharito, aos 43' do 1º tempo; Park Ji-Sung, aos 33' do 2º tempo
CHELSEA: Drogba, aos 32' do 2º tempo

MANCHESTER UNITED : Van der Sar; O'Shea, Ferdinand, Vidic e Evra; Carrick, Giggs, Nani (Valencia) e Park Ji-Sung; Rooney e Chicharito Hernández. Técnico : Alex Ferguson.

CHELSEA : Cech; Ivanovic, Terry, Alex (Paulo Ferreira) e Ashley Cole; Essien, Ramires, Lampard e Malouda, Anelka (Kalou) e Fernando Torres (Drogba). Técnico : Carlo Ancelotti.

Veja fotos dos jogos desta terça-feira pela Champions :

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.