Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Manchester City reintegra Tevez, mas aplica multa no salário

Após confusão na Liga dos Campeões, atacante não vai receber seu pagamento por um mês, mas poderá voltar a jogar pelo time inglês

AE |

selo

O Manchester City anunciou nesta terça-feira a punição ao atacante argentino Carlitos Tevez por ter se recusado a entrar em campo nos minutos finais do jogo contra o Bayern de Munique, no dia 27 de setembro, pela Liga dos Campeões da Europa. Ele foi multado pelo clube inglês e ficará um mês sem receber salário, o que representa cerca de US$ 1,6 milhão. Mas está reintegrado ao elenco e livre para voltar a jogar.

Leia também: Tevez está com um 'pé muito grande' no Corinthians, avisa Andrés

Tevez vem amargando a reserva do Manchester City nesta temporada. No jogo em Munique, quando o time inglês já perdia por 2 a 0, o técnico italiano Roberto Mancini revelou que ordenou a entrada dele em campo, mas o argentino se recusou a jogar. Depois da partida, o treinador chegou a dizer que não trabalharia mais com o atacante.

Na ocasião, Tevez disse que tudo não passou de um mal entendido e garantiu que nunca se recusou a jogar. Mas a diretoria do Manchester City suspendeu o jogador por duas semanas e abriu um comitê de sindicância para avaliar o caso. O veredicto foi divulgado nesta terça-feira, com a multa e a liberação para ele voltar ao elenco.

Ao aplicar a multa, o Manchester City explicou que Tevez descumpriu cinco cláusulas de seu contrato, como a que o "obriga a participar de qualquer jogo em que for selecionado pelo clube". O atacante argentino, que vem treinando separadamente desde que acabou a suspensão inicial, tem um prazo de 14 dias para recorrer da punição.

Esse novo capítulo pode dificultar ainda mais a permanência de Tevez no Manchester City. Apesar de ser ídolo no time inglês, ele já pediu para ser negociado duas vezes, em janeiro e em julho, por não estar feliz com a vida na Inglaterra. Mas o clube não quis vendê-lo. Agora, o Corinthians parece ser seu destino mais provável.

Leia tudo sobre: manchester cityfutebol mundialinglaterracorinthians

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG