Time de Tevez consolida terceira posição no Campeonato Inglês com boa atuação em casa

O Manchester City finalmente teve uma atuação de encher os olhos na temporada. A equipe de Carlitos Tevez jogou bem e goleou o Sunderland por 5 a 0. Não fosse pelas defesas do goleiro Mignolet e pelos gols desperdiçados, o resultado poderia ter sido ainda melhor.

Com dois gols em quinze minutos e pressionando o tempo todo, o City não sofreu qualquer perigo e determinou sua vitória rapidamente. O resultado consolida a terceira colocação no Campeonato Inglês, com 56 pontos, dez atrás do líder Manchester United.

O jogo

O City saiu na frente logo aos nove minutos do primeiro tempo. Em grande jogada coletiva, a bola chegou a Yayá Touré na direita, que cruzou para dentro da área. Adam Johnson, consciente, dominou e bateu forte de pé esquerdo, no contrapé do goleiro, abrindo o placar.

Viera comemora com os companheiros quarto gol do City
Getty Images
Viera comemora com os companheiros quarto gol do City
Cinco minutos depois, veio o segundo. David Silva lançou para Carlitos Tevez, que dominou dentro da área e, ao tentar dar um chapéu em Bardsley, trombou com o zagueiro e caiu dentro da área. O árbitro Howard Webb não titubeou e assinalou a penalidade. O próprio Tevez bateu, a bola foi tocada pelo goleiro, tocou no pé da trave esquerda, e foi para o fundo do gol. Jogando melhor, o City teve outra chance, novamente com Tevez, aos 17 minutos, mas o chute bateu na zaga adversária e saiu pela linha de fundo.

No segundo tempo, depois de lançamento de David Silva, Johnson obrigou o goleiro a fazer grande defesa. Em seguida, foi a vez de Balotelli fazer Mignolet trabalhar. Aos 17, Silva ampliou a vantagem. Tevez avançou pela esquerda e tocou para trás para Balotelli, que bateu, mas a bola ficou na zaga. Na sobra, o meio-campista espanhol tocou com o pé esquerdo e para as redes, tirando do goleiro.

Quatro minutos depois, a vitória virou goleada. Kolarov mandou um escanteio para a área. Em seu primeiro toque na bola, com a coxa, Patrick Vieira mandou para o gol. O goleiro ainda tirou a bola de dentro da meta, mas o árbitro validou o gol. Logo depois, saiu o quinto. Depois de lindo lançamento, Yayá Touré chegou por trás da zaga e ganhou de todo mundo. Cara a cara com o goleiro, o marfinense só teve o trabalho de tocar, com muita categoria, por cima do goleiro, dando números finais ao jogo.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.