Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Makélélé critica Mourinho: "De repente, ele virou cruel"

Apesar de reconhecer talento do treinador, volante do PSG afirma que ele mudou postura com os jogadores

EFE |

O volante francês Claude Makélélé, que atualmente está no Paris Saint-Germain, trabalhou com o treinador do Real Madrid, José Mourinho, no Chelsea, da Inglaterra. O meio-campista criticou duramente o técnico, que teria mudado a maneira com que tratava seus jogadores ao longo do tempo.

"Ele nos deixava longe dos holofotes, se embriagava junto conosco, contávamos piadas juntos, mas de repente ele parou de contar conosco. Começou a ser cruel e querer toda a fama para si. Para ele, só serviam as novas estrelas", comentou o jogador, que também já vestiu a camisa do Real Madrid, ao ElConfidencial.

Como profissional, entretanto, Makélélé não esconde sua admiração pelo português. "Ele é um ganhador nato. Sabe como te utilizar e como te motivar para tirar tudo de você. Nestes termos, é um grande treinador. O problemas é quando você vê de perto. Neste ponto, ele é calculista, cruel e ambicioso", analisou.

Segundo o francês, os problemas com Mourinho estouraram realmente na terceira temporada dele como técnico do Chelsea. "Quando nós demos conta, ele estava acima dos jogadores e acima da instituição e já era tarde demais. Durante a terceira temporada no Chelsea, Mourinho se esqueceu de nós e quis todo o crédito para si. Ninguém poderia ter mais fama que ele", revelou o atleta, que permaneceu no Chelsea até 2008, pouco depois após a saída do técnico.

Leia tudo sobre: françaMourinhofutebol mundialreal madridespanhapsg

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG