Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Mais uma vez, Cruzeiro finaliza mais que adversário e não vence

Números mostram que o time tem chegado ao gol adversário, mas não converte as chances criadas

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

Já se tornou uma rotina no Cruzeiro nesse Campeonato Brasileiro. O time tem mais presença ofensiva do que o adversário, finaliza mais, e não consegue transformar as chances criadas em gols. Contra o Santos, foram 27 finalizações contra apenas cinco dos paulistas. O castigo veio aos 44 minutos do segundo tempo, com o gol de empate de Borges.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

No empate de 1 a 1 com o Santos na Arena do Jacaré, o Cruzeiro finalizou onze vezes corretamente, enquanto dezesseis chutes não tiveram a direção do gol. Já o time de Muricy Ramalho visitou pouco o gol de Fábio. Foram três chutes certos e dois errados. Os dados são do Footstats e estão disponíveis no aplicativo iG Esporte para iPhone e iPad

Tenha as estatísticas no seu iPhone e faça comparações entre times e jogadores

As estatísticas mostram também que o Cruzeiro finaliza mais que a média dos outros times do Campeonato Brasileiro. Os mineiros acertam sete chutes por jogo, enquanto a média geral da competição é de cinco. Nos erros ao alvo, o Cruzeiro também está acima da média do Brasileirão: onze contra oito.

Entre para a Torcida Virtual do Cruzeiro e convide seus amigos

Depois da partida de sábado, o técnico Cuca lamentou as chances e se mostrou cansado diante dos erros de finalização. “Tivemos muitas finalizações e fizemos um gol de pênalti. Não podemos perder tantas chances, tem que 'matar' o jogo senão você será castigado, assim como fomos. A bola não entrou, o que vamos fazer? Ela deu na trave, o goleiro pegou e muito. Não tenho que crucificar ninguém. Eu sei que ninguém perde gols por querer", lamentou o treinador
 

Leia tudo sobre: CruzeiroBrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG