Volante ainda não sabe se terá condição de atuar durante os 90 minutos na partida contra o Fluminense

Fabrício voltou aos gramados no clássico contra o Atlético-MG e incendiou a partida
Vipcomm
Fabrício voltou aos gramados no clássico contra o Atlético-MG e incendiou a partida
Depois de mais de sete meses , chegou a hora do volante Fabrício voltar a ser titular no Cruzeiro . O jogador passou por uma cirurgia no púbis e agora está pronto para ajudar o time no Campeonato Brasileiro, já que Henrique foi convocado para a seleção brasileira . Apesar da animação, o atleta ainda não sabe se consegue jogar os 90 minutos contra o Fluminense.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

A última partida de Fabrício como titular do Cruzeiro foi a polêmica derrota para o Corinthians na reta final do Brasileirão passado. Na ocasião, indignado pela atuação do árbitro Sandro Meira Ricci, Fabrício deixou o gramado do Pacaembu.

Entre para a Torcida Virtual do Cruzeiro e convide seus amigos

Com a convocação de Henrique para a seleção brasileira, surgiu uma vaga no meio-campo do Cruzeiro e Cuca já disse que conta com o jogador. “90 minutos eu não sei. Mas acho que boa parte do jogo eu já consigo. Tenho treinado forte, feito coletivos toda semana. Estou preparado caso o professor optar para começar jogando”, disse Fabrício.

O volante disse que é uma grande responsabilidade substituir o amigo Henrique. “Bom tempo sem jogar. Se jogar, vou substituir um grande jogador que foi para a seleção (Henrique). Uma grande responsabilidade. Vou correr, ver até onde consigo. Se cansar é só pedir para sair”, afirmou.

Equilíbrio
A volta oficial de Fabrício aos gramados depois da cirurgia no púbis foi no primeiro clássico da final do Campeonato Mineiro, contra o Atlético-MG. O jogador entrou e incendiou a partida no segundo tempo.

“No meu modo de ver, naquele jogo (contra o Atlético) precisava daquela apimentada. Acho que fez bem para nosso time. Jogo estava caminhando para outro resultado e aquilo mudou um pouco. Agora é diferente, competição longa. Precisava colocar aquilo para fora, pois já eram seis meses sem entrar em campo. Precisava extravasar. Agora preciso de mais equilíbrio”, analisou o sempre polêmico jogador.

null

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.