Goleiro diz que pulou para o lado errado no primeiro lance e deu rebote no pé do adversário no segundo na derrota ante a Lusa

O goleiro Magrão voltou de lesão inseguro e falhou contra o Boa Esporte. No último sábado, voltou a vacilar, desta vez na derrota por 3 a 2 para a Portuguesa . O experiente arqueiro do Sport admitiu seus erros e explicou à torcida rubro-negra o que aconteceu.

"No primeiro lance, pulei para trás e a chance de defender seria maior se tivesse pulado à frente. No segundo, foi difícil. Dei rebote, mas a bola caiu no pé do jogador adversário. Às vezes isso acontece", lamentou ao Diário de Pernambuco .

O presidente do Sport, Gustavo Dubeux, inclusive, demitiu o preparador de goleiros Batista após o jogo de sábado. "Fizemos uma avaliação interna e resolvemos pela saída. Ele é uma excelente pessoa, mas após essa reunião concluímos que a troca seria melhor para o Sport", justificou.

Além de Magrão, o elenco conta com o jovem Paulo Rafael, Saulo e Rodrigo Calaça. O camisa 1 considera os erros normais. "Não é a primeira e nem a última vez que acontece. A gente tem apenas que trabalhar para errar o menos possível", comentou.

O Sport já está em Campinas para dois jogos fora de casa. Primeiro enfrenta o Americana, na terça-feira, e depois joga contra o Paraná, no sábado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.