Veterano é um dos artilheiros do Campeonato Mineiro, enquanto jovem atacante marcou dois no final de semana

Mesmo com 35 anos, o atacante Magno Alves vem demonstrando fôlego de garoto nos jogos do Atlético-MG pelo Campeonato Mineiro. Com três gols na competição, o atleta divide a artilharia com Jonatas Obina, do América-TO. Na partida deste domingo, contra o Tupi, o centroavante substituiu Jobson, que ainda aprimora a condição física, e foi um dos destaques do time de Belo Horizonte, ao lado de Neto Berola . O atleta não conseguiu esconder a alegria com o bom momento que vive.

"Fico feliz pelos gols, pela vitória, principalmente pelo segundo tempo, onde demonstramos que a gente poderia fazer algo diferente do que foi feito no primeiro tempo", declarou o atacante, que destacou a importância da vitória sobre o time de Juiz de Fora.

"Com certeza, é uma motivação a mais para o clássico. Será o primeiro clássico do ano e vamos nos preparar bem porque teremos um adversário muito difícil. Mas, nesse momento, vamos aproveitar essa grande vitória e depois a gente passa a pensar no clássico", comentou.

Outro jogador que foi decisivo na vitória por 4 a 1, de virada, diante do Tupi, foi o atacante Neto Berola. O atleta entrou no intervalo do primeiro tempo e balançou as redes duas vezes. "O time todo está de parabéns. Tomamos um gol no primeiro tempo, tivemos paciência, sabíamos que era difícil, mas conseguimos reverter o placar", disse Berola, que espera continuar correspondendo às expectativas da torcida e do técnico Dorival Júnior.

"Fico feliz com o reconhecimento, o professor Dorival já conhece meu trabalho desde o ano passado, mas fico feliz com a vitória, e o empenho de cada jogador. Venho trabalhando para ser titular. A gente quer jogar, porém, o mais importante é ver o Atlético-MG vencer, independente de estar em campo ou no banco de reservas", declarou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.