Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Má fase de Renan faz Corinthians apressar volta de Júlio César

Goleiro reserva dobrou número de gols sofridos e titular deve reforçar equipe contra o Santos

Bruno Winckler, iG São Paulo |

A vontade de Júlio César em retornar aos jogos do Corinthians demonstrada nos últimos treinos somada às falhas do seu substituto, Renan , nos jogos contra Cruzeiro, Avaí e América-MG, farão com que o titular da meta corintiana retorne aos gramados antes do previsto.

Gazeta Press
Júlio César ajeita curativo no dedo lesionado. Goleiro já treina e deve voltar em uma semana

Siga a página do iG Corinthians no Twitter

O iG apurou que em conversa entre a comissão técnica, o preparador de goleiros, Mauri Lima e o corpo clínico do clube, ficou acordado que Júlio César fará seu retorno contra o Santos , dia 10, na Vila Belmiro. Basta que ele continue evoluindo nos treinamentos, como fez nesta semana.

Entre para a torcida virtual do Corinthians e convide seus amigos para entrarem também

O goleiro titular corintiano sofreu uma luxação externa no dedo mínimo da mão esquerda na partida contra o Botafogo, dia 20 de julho. A previsão inicial dos médicos era para que ele retorna-se em quatro semanas, provavelmente contra o Atlético-MG, no próximo dia 17, em Belo Horizonte. Porém, o bom desempenho dele nos treinos animou tanto os médicos como o técnico Tite a anteciparem sua volta. Logo após o jogo de quarta-feira, perguntado se contra o Santos era possível que Júlio César retornasse, Tite não deu uma resposta clara, mas sinalizou que a possibilidade é real.

Júlio César tem feito trabalhos intensos, sem restrições, desde terça-feira. Na quinta, na reapresentação do elenco após a partida contra o América-MG, Júlio fez trabalhos em dois períodos e à tarde, sob os cuidados de Mauri Lima, repetiu uma carga exaustiva de treinos sem queixar-se de qualquer desconforto no dedo lesionado. Na página pessoal no Twitter, Júlio César disse em resposta a algumas perguntas de torcedores que está trabalhando para voltar contra o Atlético-PR , domingo. Tite acha melhor esperar.

Gazeta Press
Júlio César ajeita curativo no dedo lesionado. Goleiro já treina e deve voltar em uma semana

A pressão por que passa Renan após os cinco gols sofridos em três jogos (em 10, Júlio César sofreu quatro), fez a torcida corintiana iniciar alguns protestos no Pacaembu, durante a partida contra o América-MG, e depois nas redes sociais. No Twitter, foram lançadas as campanhas "Volta, Júlio César" e "Fora, Renan".

O próprio Renan, na ida para os vestiários, após a mal-sucedida saída de bola no gol de Kempes, do América-MG, reconheceu que foi precipitado .

Os jogadores mais experientes do Corinthians tentam transmitir segurança ao jovem goleiro de 20 anos. O capitão Chicão é um deles. "A gente procura passar tranquilidade. Não se pode crucificar um garoto de 20 anos que tem potencial e muito a crescer. Aconteceu com o Julio, que já o criticaram, mas ele soube dar a volta por cima", disse Chicão.

Coincidentemente, Júlio César pode fazer seu retorno exatamente no palco onde falhou pela última vez. Contra o Santos, na final do Campeonato Paulista, o goleiro deixou passar bola fácil após chute de Neymar. "Não sei se vai voltar antes, mas ele está se sentindo bem e é importante voltar e nos ajudar. A gente espera que se for contra o Santos, possa fazer um grande jogo, pois todos sabem o que aconteceu na final, ele foi crucificado e não foi só ele perdeu aquele jogo", disse Chicão.

Leia tudo sobre: corinthiansbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG