Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Luxemburgo repete no Flamengo pior sequência com o Atlético-MG neste Brasileiro

Com goleada em Sete Lagoas, treinador chega a cinco jogos seguidos sem vencer na competição. Foram três empates e duas derrotas

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237860270503&_c_=MiGComponente_C

Com a derrota por 4 a 1 para o Atlético-MG, neste sábado, em Sete Lagoas, o técnico Vanderlei Luxemburgo chegou a cinco jogos sem vencer no comando do Flamengo no Campeonato Brasileiro. Com isso, repete sua pior sequência enquanto esteve à frente do time mineiro na edição deste ano da competição.

Entre os dias 18 de julho e 7 de agosto, Vanderlei sofreu quatro derrotas e conseguiu um empate no comando do Atlético-MG, marcando apenas um gol. Perdeu para Corinthians, Internacional, Cruzeiro e Botafogo, empatando apenas com o Avaí.

Demitido no dia 23 de setembro, depois de ser goleado por 5 a 1 para o Fluminense, no Engenhão, Vanderlei assumiu o Flamengo pouco tempo depois. Ele começou com duas vitórias e um empate, subindo na tabela, mas depois o time caiu de produção.

Vanderlei ainda tem problemas para encontrar seu ataque ideal. Contra o Atlético-MG, ele escalou pela primeira vez a dupla Diego Maurício e Diogo. Não ficou satisfeito e no intervalo colocou Val Baiano na vaga de Diego Maurício. Contra o Guarani, sábado, no Engenhão, ele terá a volta de Deivid e Renato, que cumpriram suspensão.

"Todo mundo vai estar à disposição para o próximo jogo. Perder de um ou de quatro dá no mesmo. É mais uma derrota", afirmou Vanderlei, que também terá a volta do meia Renato, que estava suspenso.

No complemento da rodada, neste domingo, o Flamengo, que soma 40 pontos, vai estar de olho no jogo entre Guarani, que abre a zona de rebaixamento com 36 pontos, e Vitória, em Campinas.

"Se o Guarani pontuar, o nosso jogo contra eles será uma verdadeira decisão. Se a gente perder, aí sim complica", explicou Vanderlei, que já foi cinco vezes campeão brasileiro e nunca acabou rebaixado para a Série B em sua carreira.

Leia tudo sobre: atlético-mgcampeonato brasileiroflamengofutebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG