Para o técnico do Flamengo, aquele jogador específico para a posição não existe mais no futebol moderno

Deivid é o titular do ataque do Flamengo
Vipcomm
Deivid é o titular do ataque do Flamengo
O Flamengo segue sua incansável busca por um atacante para reforçar o seu elenco. A dificuldade é grande. Uma série de propostas recusadas por André, do Dínamo de Kiev, a incômoda novela Kleber e várias especulações povoam o imaginário rubro-negra nos últimos dias de janela de transferência internacional, que fecha na quarta-feira.

iG Flamengo no Twitter: saiba tudo sobre seu time

Com tanta dificuldade para se encontrar um atacante disponível, o técnico Vanderlei Luxemburgorecrutou jovens das categorias de base, como Thomas e Rafinha . Diego Maurício , cortado da seleção brasileira sub 20, voltou a fazer parte do grupo. Deivid é o titular absoluto depois da saída de Wanderley para o Al Arabi, do Catar .

Entre para a Torcida Virtual do seu time e convide seus amigos

Luxemburgo observou uma carência no mercado brasileiro para a posição e uma mudança na formação de jogadores. Para ele, o centroavante típico, que fica dentro da área, está morto no futebol atual.

“Essa é uma discussão com visões diferentes. O Ronaldo não era esse atacante, nunca foi. Romário também não. Esse jogador era o Roberto, do Botafogo nos anos 70, Dario, Flavio Minuano. Aquele que atua numa faixa reduzida do campo. O atacante hoje chega na área, mas ajuda a preparar as jogadas. Esse centroavante especifico mesmo acabou. Em função da mudança do futebol, quem ficar preso na frente está morto”, afirmou Luxemburgo.

O técnico do Flamengo foi além. Ele ainda questionou a formação de uma forma geral, que está acabando com jogadores especialistas em determinadas posições. O esquema com três zagueiros nas categorias de base é um desses vilões na visão de Luxemburgo.

“Está faltando formar um monte de coisa. O lateral-esquerdo hoje não sabe mais jogar de lateral. São poucos os volantes que sabem atuar no 4-4-2. Eles têm uma dificuldade muito grande para isso”, afirmou Luxemburgo, que usa o 4-4-2 no Flamengo, com Aírton e Willians na função de volante.

Com Deivid no time, os jogadores voltam a treinar na manhã desta segunda-feira, no Ninho do Urubu, para o confronto com o Palmeiras , quarta-feira, ainda com horário indefinido por causa do jogo da seleção brasileira na Copa América . O Flamengo é o vice-líder do Brasileiro, com 19 pontos, seis a menos do que o Corinthians .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.