Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Luxa cumpre metas apesar dos percalços do Flamengo no Brasileiro

Objetivo é ficar entre os quatro primeiros até as seis rodadas finais antes de arrancar rumo ao título

Thales Soares, iG Rio de Janeiro |

Desde o começo do Campeonato Brasileiro, o técnico Vanderlei Luxemburgo traçou como objetivo manter o Flamengo no grupo dos quatro primeiros colocados até as seis últimas rodadas, o momento da ideal para uma arrancada rumo ao título. Até o fim do primeiro turno, seu planejamento foi seguido, apesar dos percalços, como o fato de o time não vencer há quatro jogos na competição, incluindo o empate em 0 a 0 com o Vasco, domingo, no Engenhão.

Entre para a Torcida Virtual e convide seus amigos

O jejum não assusta o treinador. O Flamengo soma 36 pontos, um a menos do que o Corinthians, líder do Campeonato Brasileiro. São Paulo e Vasco vêm na sequência, com 35, enquanto o Botafogo ocupa a quinta colocação, com 34. Em sexto, o Palmeiras soma 32.

Veja a classificação e a tabela de jogos do Brasileirão

“Esse é o Campeonato Brasileiro mais aguerrido dos últimos anos, com as equipes muito próximas na zona de classificação para a Copa Libertadores. A rodada terminou como começou, praticamente, com o Botafogo chegando. Acho que o Flamengo está bem. Não pontuamos como queríamos, mas estamos no bolo”, disse Luxemburgo.

Consciente da importância de conquistar pontos, principalmente contra rivais diretos, caso do Vasco, Luxemburgo explicou as mudanças que fez no intervalo do clássico. Ele colocou Negueba e Muralha em campo nos lugares de Bottinelli e Deivid, queimando seus últimos cartuchos, pois já havia tirado Alex Silva, machucado, no começo do primeiro tempo, para a entrada de Ronaldo Angelim.

“Quem tem medo de ganhar fica em casa. Não poderia ficar preocupado se o (goleiro) Felipe tomaria o segundo cartão amarelo. O dia em que tiver com receio de ganhar um clássico, termina aqui, fico em casa. Mais escangalhado do que o meu time estava, era impossível”, justificou Luxemburgo.

O Flamengo, agora, vai enfrentar o Avaí, quarta-feira, às 21h50, na Ressacada, na abertura do segundo turno do Brasiileiro. Luxemburgo não terá Welinton e Júnior César, suspensos, Alex Silva e Aírton, machucados, além de Thiago Neves, que dificilmente volta ao time nesse jogo, recuperando-se de uma lesão na coxa direita.

 

Leia tudo sobre: FlamengoBrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG