Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Lusa faz 3 a 0 no Botafogo-SP e espanta a crise no Canindé

Com o resultado, os comandados de Jorginho chegam a nove pontos conquistados, na 12ª colocação do Paulista

Gazeta |

A Portuguesa não deu show e nem voltou a mostrar o toque de bola que encantou os torcedores na Série B do Brasileiro, mas pelo menos voltou a vencer no Campeonato Paulista. Jogando em casa, a equipe fez três gols em bolas paradas e derrotou o Botafogo-SP por 3 a 0, mandando a crise para longe do estádio do Canindé.

Veja a classificação atualizada do Campeonato Paulista

O primeiro tento, por sinal, foi na primeira jogada organizada na chuvosa noite da casa lusitana. Falta na frente da área e Marcelo Cordeiro levantou na cabeça de Luis Ricardo, que desviou e acertou o canto do goleiro.

Mais tranquilos devido à vantagem adquirida logo no início, os anfitriões procuraram administrar, sem serem muito ameaçados pelo fraco time de Ribeirão Preto, que não conseguia se infiltrar na defesa.

Ainda antes do intervalo, a torcida teve mais um motivo para comemorar. Aos 45 minutos, Marquinhos subiu para disputar com Rafael Oliveira e acabou acertando uma cotovelada no rosto do centroavante rubro-verde. Vermelho direto para ele e um atleta a mais para os donos da casa.

Além da empolgação de jogar com 11 contra 10, a Lusa conseguiu ampliar a vantagem novamente com pouco tempo decorrido no relógio na etapa final. Após escanteio, Renato subiu na primeira trave e testou para as redes.

Gazeta Press
Jogadores da Portuguesa comemoram gol marcado por Renato

Na sequência, o Bota quase conseguiu diminuir, mas Weverton foi buscar cabeçada de Gustavo Bastos no ângulo e evitou o tento. Porém, o time da casa seguiu melhor e selou o triunfo após pênalti sofrido por Wilson Júnior e convertido com muita categoria por Léo Silva.

Com o resultado, os comandados de Jorginho chegam a nove pontos conquistados, na 12ª colocação, enquanto a Pantera segura a lanterna da competição, somando apenas três.

Na próxima rodada, os lusitanos encaram o XV de Piracicaba no Canindé, sexta-feira, ás 19h30 (de Brasília). Já os tricolores tentam iniciar uma recuperação no mesmo horário frente o Mogi Mirim, no estádio Santa Cruz.

FICHA TÉCNICA
PORTUGUESA 3 X 0 BOTAFOGO-SP

Local: Estádio do Canindé, em São Paulo (SP)
Data: 12 de fevereiro de 2012, domingo
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: José Claudio Rocha Filho
Assistentes: David Botelho Barbosa e Maria Nubia Ferreira Leite
Adicionais: Vinicius Furlan e Vinicius Gonçalves Dias Araujo
Cartões Amarelos: Guilherme, Luis Ricardo (Portuguesa); Aleesandro, Cris, Alex Barros e Fabinho (Botafogo)
Cartões Vermelhos: Marquinhos (Botafogo)
Gols: Luis Ricardo, a um minuto do primeiro, Renato, aos três minutos do segundo, e Léo Silva, aos 39 minutos do segundo tempo

PORTUGUESA: Weverton; Luís Ricardo, Rogério, Renato e Marcelo Cordeiro (Wilson Júnior); Léo Silva, Guilherme (Maylson), Boquita (Vandinho) e Henrique; Rafael Oliveira e Raí
Técnico: Jorginho

BOTAFOGO: Juninho; Alessandro, Gustavo Bastos, Marquinhos e Paulinho (Cris); Vinicius, Leandro Carvalho, Alex e Camilo; Fabinho (Talles Cunha) e André Dias (Clebinho)
Técnico: Lori Sandri
 

Leia tudo sobre: portuguesacampeonato paulista 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG