Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Lula encontra santistas e agradece por permanência de Neymar

Presidente da República se reuniu com o atacante, com Paulo Henrique Ganso e mandatário do clube em São Paulo

Marcel Rizzo e Paulo Passos, iG São Paulo |

A decisão do Santos e de Neymar de recusar a proposta do Chelsea, da Inglaterra, levou o presidente da República a pedir um encontro com representantes do clube e com o próprio jogador. Em uma reunião no início da tarde desta segunda-feira, em São Paulo, Lula agradeceu ao jovem atacante por ter ficado no país. Além de Neymar, Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, o meia Paulo Henrique Ganso e os pais dos jogadores participaram do evento.

null“Foi uma atitude corajosa. Tanto do clube, quanto do jogador. Não é fácil convencer alguém a abrir mão de 30 milhões de euros”, disse Lula após falar com os jogadores, seus famíliares e o dirigente santista.

O encontrou durou pouco mais de cinco minutos. Na conversa, além do agradecimento, Lula perguntou aos jogadores que praia eles freqüentavam em Santos. Corintiano, o presidente questionou quando o Santos enfrentará a sua equipe no Campeonato Brasileiro e prometeu que irá ao jogo.

Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro provocou Lula dizendo que outro duelo entre os dois times poderá acontecer no ano que vem na Copa Libertadores da América. “Nem me fale nisso”, brincou o presidente da República, se referindo à eliminação do clube no torneio desse ano.

O encontro desta segunda-feira foi um pedido do presidente, que solicitou ao Ministro do Esporte que entrasse em contato com os santistas. “Lula me falou que estava muito feliz com a decisão do clube e dos garotos e pediu para parabenizá-los”, contou Orlando Silva.

Após receber os cumprimentos de Lula, Neymar e Ganso se disseram orgulhosos. “Para mim é uma honra muito grande. Fico feliz de saber que a decisão foi muito certa”, afirmou o meia, que em julho recebeu uma proposta do Lyon, da França, mas preferiu ficar na Vila Belmiro.

Leia tudo sobre: NeymarGansoSantosselecao brasileirafutebol

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG