Volante, que foi titular em parte da Série B, alegou problemas de saúde para pedir dispensa e ficar com familiares

O volante Lucas, titular do Guarani em boa parte da temporada, rescindiu o contrato com o clube nesta quarta-feira, alegando problemas particulares.

Sem especificar o motivo da decisão, Lucas disse que gostaria de passar mais tempo com os familiares. "O meu problema é de saúde e estou precisando da minha família. Amanhã mesmo quero ver minha família. Tenho mulher e filhos, se eles estivessem aqui ao meu lado, pode até ser que eu conseguisse suportar mais, mas assim não dá", disse, reafirmando o sofrimento.

No Bugre desde o início da temporada, o volante aproveitou para garantir que não existe outra proposta que o tenha feito desistir de continuar no clube para a sequência do Brasileirão da Série B: "Já estive em grupos bons, mas aqui nunca vi igual, o elenco é muito unido e todos têm uma amizade muito forte. O Guarani está bem servido e tenho certeza que vai sair dessa situação".

Paulista da cidade de Guaratã, Lucas tem 27 anos não pretende abandonar o futebol no momento. Revelado pelo Tupi, ele esteve no Ipatinga, no São Caetano e no São Bernardo antes de vestir a camisa alviverde.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.