Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Lucas e sua família comemoram primeira convocação para a seleção

"Não acredito! Estou sonhando!", escreveu o meia são-paulino em sua página no Twitter, ao saber da lista

Levi Guimarães, iG São Paulo |

A ansiedade de Lucas por uma convocação para a seleção principal foi aplacada nesta quinta-feira. Na primeira convocação do técnico Mano Menezes após a conquista do Sul-Americano Sub 20, o garoto são-paulino, que foi um dos destaques na competição continental ao lado do santista Neymar, já apareceu na lista.

O iG conversou por telefone com o pai de Lucas, Jorge, que não escondeu a emoção de ver o filho convocado, apesar de dizer que já esperava por isso graças à boa fase que o meio-campista vive. Jorge acompanhou a convocação ao vivo, pela internet, e falou com o filho assim que ouviu seu nome ser confirmado por Mano.

“Já estava esperando pelos comentários que estávamos ouvindo, pelos elogios do Ney Franco [técnico da seleção sub 20]. Só faltava mesmo o Mano chamar. É um sonho. Assim que fiquei sabendo liguei para ele, estava numa expectativa muito grande”, afirmou o pai do camisa 7 do São Paulo.

Jorge descreveu a convocação como a realização do principal sonho do filho, que, como de costume, agradeceu à família. “Ele sempre agradece a mim e à mãe dele. Ele tem essa humildade, sabe reconhecer que teve muitas pessoas que ajudaram ele a chegar onde está”.

“Ele comemorou muito, estava muito feliz, muito ansioso. Eu falava pra ele que essa hora iria chegar. Era o grande sonho dele vestir a camisa amarelinha e agora ele vai poder realizar isso. Toda a família comemorou muito”, completou.

Por meio de sua página no Twitter, o próprio Lucas comemorou muito a convocação. Seus primeiros posts, assim que Mano divulgou a lista de convocados, foram “Não acredito! Estou sonhando!” e “Obrigado meu Deus!”.

Depois de receber uma avalanche de parabenizações pela convocação vindas de fãs e amigos, ele respondeu algumas delas, como dos companheiros de São Paulo Bruno Uvini e Casemiro e do ex-meia do clube Jorge Wagner, atualmente no Japão. Por fim, disse não ter palavras para descrever a alegria do momento.

Leia tudo sobre: são paulolucasseleção brasileiramano menezes

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG