Tamanho do texto

"Lutamos e tivemos mais oportunidades, mas não matamos o jogo. O Vasco foi mais eficiente", disse o jogador

selo

nullNão que o São Paulo tenha atuado mal durante todo o jogo. No primeiro tempo, criou algumas boas chances, com Lucas , Piris, Carlinhos e Rivaldo, mas parou em boa atuação de Fernando Prass. Depois de 30 minutos de partida, só deu mais dois chutes a gol, sem perigo. Para Lucas, essa ineficiência permitiu a derrota tricolor para o Vasco, neste domingo, por 2 a 0 , no Morumbi.

"No futebol, ninguém sabe o que vai acontecer. Lutamos e tivemos mais oportunidades, mas não matamos o jogo. O Vasco foi mais eficiente. Temos de ver onde erramos para não cometer mais isso", disse Lucas, que não se importa com as efusivas vaias da torcida ao fim do jogo, reclamando da atuação ruim do time. "Não me incomoda. A torcida tem o direito de protestar, vaiar."

Responsável pela armação e pela cadência do time, Rivaldo reclamou da forma como que o São Paulo tentou chegar ao ataque. "Erramos muitos passes. Temos de tocar mais a bola, sem muito passe longo. Tem de ser igual fizemos com o Coritiba. Perdemos muito a bola e eles tiraram proveito disso", analisou o pentacampeão mundial, que não esteve nas suas melhores tardes neste domingo.