Atacante marcou o segundo gol corintiano na vitória por 2 a 1 no Olímpico, contra o Grêmio

O Corinthians foi sufocado pelo Grêmio desde os primeiros minutos do primeiro tempo e saiu atrás no placar no início da etapa complementar neste domingo, em jogo válido pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Ainda assim, a equipe alvinegra conseguiu a vitória por 2 a 1 , de virada, em pleno Olímpico. Para Liedson, o placar mostrou a tranquilidade do time que não se desesperou em momento de adversidade.

Chicão marcou de pênalti o primeiro gol do Corinthians no Olímpico
AE
Chicão marcou de pênalti o primeiro gol do Corinthians no Olímpico
"Tivemos tranquilidade, nós não nos desesperamos mesmo atrás no marcador. Sabemos que o Grêmio é muito forte no seu estádio, mas o Corinthians também é forte fora de casa. Tivemos sabedoria, porque o resultado não foi fácil", disse o jogador, ainda na saída do gramado.

Siga o Twitter do Corinthians no iG Esporte

Decisivo para o resultado conquistado em Porto Alegre ao cavar um pênalti e marcar um belo gol de voleio depois, Liedson, que não balançava a rede há um mês, conteve a empolgação.

"Nunca me incomodei com jejum de gol. Sempre fui consciente do meu trabalho. Às vezes, você faz tudo certinho em campo e o gol não sai. Hoje (domingo) não fui muito bem, mas o gol saiu", acrescentou o artilheiro corintiano, que teve poucas oportunidades na capital gaúcha.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.