Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Líder em faltas sofridas, Neymar aprende lição com Pepe e Borges

Camisa 11 do Santos é o jogador que mais apanha na Libertadores: sofreu 28 faltas (média de 4,7 por jogo)

Samir Carvalho, iG Santos |

Após a vitória do Santos por 1 a 0 diante do América, do México, na última quarta-feira, na Vila Belmiro, pelas oitavas de final da Copa Libertadores, Neymar se destaca na liderança do ranking entre os jogadores que mais apanham em campo na competição continental. Caçado pelos adversários, o camisa 11 também demonstrou que aprendeu a reagir contra as faltas sofridas.

Tenha as estatísticas no seu iPhone e faça comparações entre times e jogadores

Acostumado a reclamar bastante e às vezes até revidar as faltas recebidas, Neymar mudou sua postura e disse que aprendeu com os erros do zagueiro Pepe, do Real Madrid, expulso no jogo contra o Barcelona, pela Ligas dos Campeões, e do atacante Borges, do Grêmio, que recebeu o cartão vermelho na partida contra o Universidad Católica, pela Libertadores.

“O time deles (América) estava a fim de caçar, mas estou acostumado com isso. Meu futebol é de muita movimentação e eles têm que parar com falta. Estávamos vendo os jogos do Grêmio e do Real Madrid, que tiveram jogadores expulsos e foram prejudicados”, disse Neymar, que recebeu sete faltas dos mexicanos na Vila Belmiro.

Segundo estatísticas do Footstats, Neymar é o jogador que mais apanha na Libertadores, com 28 faltas recebidas na competição (média de 4,7 faltas por jogo). Atrás de Neymar, está o volante do Cruzeiro, Henrique, que sofreu 23 faltas (média de 3,3 faltas por partida). O volante Danilo está na terceira colocação, com 17 faltas sofridas (média de 2,4 faltas por falta).

Com dois santistas entre os três primeiros colocados na lista dos atletas que mais apanham na competição, o Santos lidera o ranking dos clubes, com 136 faltas sofridas na Libertadores (média de 19,4 faltas recebidas).

O técnico Muricy Ramalho reclamou da quantidade de faltas que Neymar sofre durante os jogos do Santos na Libertadores. “Agora estão abusando um pouco. Não sei se eles vêm informados de que o Neymar dribla muito. Estão batendo demais nele. Contra o Táchira também. E não aconteceu nada”, disse Muricy.


 

Leia tudo sobre: santosneymarborgespepereal madridfaltas sofridas

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG