Flamengo foi eliminado com requintes de crueldade no Engenhão, mesmo vencendo o jogo. Logo depois, Vasco venceu fora

A maior rivalidade do futebol carioca viveu uma noite de contrastes na quinta-feira, para alegria dos vascaínos e desespero dos flamenguistas. Poucas horas após o Flamengo vivenciar, no Rio, uma eliminação dramática da Libertadores, o Vasco venceu seu jogo no Uruguai e carimbou passaporte para as oitavas de final como segundo colocado do Grupo 5.

Leia ainda: Flamengo vence, mas é eliminado de forma dramática

A eliminação do Flamengo teve toques de crueldade. O time fez sua parte ao derrotar o Lanús, da Argentina, por 3 a 0, no Engenhão. Porém, para se classificar, precisava que Olimpia e Emelec empatassem em Assunção, no Paraguai. 

Tal combinação de resultados virou realidade quando o jogo do Flamengo já havia terminado. Os flamenguistas comemoraram com entusiasmo o gol de empate do Olimpia (2 a 2), já nos descontos do jogo em Assunção. Um minuto depois, porém, os equatorianos do Emelec voltaram à frente, garantiram a vaga e transformaram em lágrimas os sorrisos no Engenhão.

Veja mais: Quem é o culpado pela queda do Flamengo? Vote

Logo começaram a pipocar piadas sobre a eliminação do Flamengo , em especial nas redes sociais. Abatido e ciente da enorme pressão com a qual terá de lidar, o técnico flamenguista Joel Santana filosofou: "Os deuses da bola podem explicar melhor do que eu..."

o Vasco derrotou o Nacional , do Uruguai, em Montevidéu, com gol do meia Diegou Souza. O resultado garantiu a classificação do time. E ainda mais sofrimento para os arquirrivais flamenguistas.

Veja fotos da eliminação do Flamengo, no Rio:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.