Placar de 2 a 2 mantém invencibilidade dos paraguaios no Grupo 1 e praticamente elimina os colombianos

O Once Caldas vencia o Libertad em pleno Defensores del Chaco até os 48 minutos do segundo tempo, quando Pavlovich deixou tudo igual: 2 a 2. O resultado mantém a invencibilidade dos paraguaios no Grupo 1 da Copa Libertadores e praticamente elimina os colombianos.

Com 11 pontos, o Libertad já está garantido nas oitavas de final do torneio. Já o Once Caldas está na terceira posição, com quatro pontos, dois a menos que o peruano San Luís, que ainda entrará em campo por esta quinta rodada, em casa, contra o San Martín.

A situação poderia ser diferente se a equipe visitante mantivesse o bom ritmo que apresentou durante alguns momentos em toda a partida. Depois de ser salvo por uma curiosa defesa do goleiro Martinez, de "peixinho", o Once Caldas abriu o placar com Rentería, que aproveitou a sobra após Dayro Moreno brigar com a zaga, aos 11 do primeiro tempo.

No entanto, a equipe recuou e viu Pavlovich deixar tudo igual em um lance polêmico e confuso aos 16 minutos: o atacante aproveitou uma furada de um defensor, dividiu com o goleiro, chegou a tocar a mão na bola e, caído, empurrou para o fundo das redes. No início do lance, ainda havia impedimento.

Sem se abater, o Once Caldas voltou a ficar em vantagem um minuto depois, com Rentería, em lindo chute após outra boa trama com Moreno. Mas o time voltou a priorizar a defesa e foi pressionado durante todo o segundo tempo. Depois de perder chances incríveis, o time da casa conseguiu furar o bloqueio rival e, de cabeça, Pavlovich definiu a igualdade.

O Once Caldas encerra sua participação na primeira fase no dia 19 de abril, no Peru, contra o San Martín. No mesmo dia, o Libertad recebe o San Luís.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.