Atacante ficará fora de atividade entre três e quatro semanas, e não enfrentará a Bolívia e a Colômbia pelas eliminatórias da Copa

selo

O Real Madrid confirmou nesta segunda-feira, por meio de um boletim médico, que o atacante Di María sofreu uma lesão muscular em sua coxa esquerda durante a vitória por 7 a 1 sobre o Osasuna , no último domingo, pelo Campeonato Espanhol . Por causa da contusão, o jogador deverá desfalcar o time entre três a quatro semanas e ficará fora dos dois próximos confrontos da Argentina pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2014 .

Leia também: Cristiano Ronaldo esquece modéstia, mas evita comparação com Messi

Após submeter Di María a exames mais detalhados em um hospital de Madri nesta segunda, o Real confirmou que o atleta teve uma lesão muscular de grau 1, depois de já ter adiantado, no domingo, que ele havia lesionado a musculatura da coxa.

Di María ainda não foi oficialmente cortado pela Associação de Futebol Argentino (AFA) dos confrontos que seu país fará contra Bolívia e Colômbia, respectivamente nos próximos dias 11 e 15 de novembro, e figura na lista de convocados pelo técnico Alejandro Sabella que foi publicada nesta segunda pela entidade.

Nesta segunda, Sabella apenas incluiu mais quatro nomes em sua lista de convocados. Ele anunciou o goleiro Agustín Orión e o lateral Clemente Rodríguez, do Boca Juniors, e o zagueiro Leandro Desábato e o meio-campista Rodrigo Braña, ambos do Estudiantes, que se juntarão aos jogadores que atuam foram do país e já haviam sido chamados anteriormente.

Di María se machucou no início do segundo tempo do duelo contra o Osasuna. Ao tentar recuperar uma bola perdida, ele trombou com uma placa de publicidade e caiu no gramado acusando dores na perna esquerda. Em seguida, acabou sendo substituído no confronto que garantiu o Real Madrid na liderança isolada do Campeonato Espanhol .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.