O jogador, que vinha de uma grande sequência de partidas pela sua equipe, teve uma lesão de grau 2 na região da coxa

Depois de atuar durante quase a partida inteira entre Inglaterra e França, que terminou com vitória de 2 a 1 para os franceses, o inglês Steven Gerrard teve de deixar o campo com suspeita de um estiramento na coxa. Após um certo desconforto entre o clube do meia, o Liverpool, e o técnico Fabio Capello, exames realizados nesta quinta confirmaram a contusão.

O jogador, que vinha de uma grande sequência de partidas pela sua equipe, teve uma lesão de grau 2 na região, e deve ficar afastado dos gramados até a metade de dezembro. "Ele vai ficar fora por algum tempo, creio eu. Umas três ou quatro semanas", afirmou o médico do clube, dr. Peter Brukner.

Sobre uma possível "carga excessiva" de jogo ao atleta, Brukner desconversou. "Uma vez que se está na seleção, você tem que jogar o quanto eles querem. Ocorreram algumas circunstâncias na noite passada que fizeram ele jogar um pouco mais do que o esperado, mas agora não há muito o que fazer a não ser trabalhar para recuperá-lo", completou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.