Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Lampard compara mau momento do Chelsea à gestão Scolari

Time de Londres ocupa a quinta colocação do Campeonato Inglês. Meio-campista mostra falta de confiança na equipe

Gazeta |

A vitória por 1 a 0 sobre o Bolton, pela 20ª rodada do Campeonato Inglês, foi a única do Chelsea nas últimas nove partidas no torneio nacional. A má fase faz com que o meia Frank Lampard lembre da gestão do brasileiro Luiz Felipe Scolari, no segundo semestre de 2008, principalmente dos últimos jogos.

O atual técnico do Palmeiras foi demitido do time londrino no começo de fevereiro de 2009, após empatar com o Hull City por 0 a 0 e perder do Liverpool por 2 a 0. No geral, teve uma boa campanha de 14 vitórias e sete empates, além de ter sido derrotado apenas quatro vezes. No entanto, foi criticado por todos seus resultados negativos terem sido em clássicos: foram duas derrotas para o Liverpool, uma para o Arsenal, em casa, e outra para o Manchester United.

"No momento, há um sentimento de não sabermos o que vai acontecer quando formos ao campo. Não muda em nada a determinação de vencer, mas não dá para não lembrar que não estamos ganhando. O fim da gestão Scolari foi um pouco assim. Perdemos o sentimento de saber que podemos vencer toda semana. Quando você o perde, é difícil recuperar", explicou Lampard ao "The Sun".

Getty Images
Luiz Felipe Scolari observa Lampard em seus tempos de Chelsea. Técnico foi mal nos clássicos ingleses

A má fase do Chelsea começou após uma vitória por 1 a 0 sobre o Fulham, em 10 de novembro, e coincidiu com a saída do assistente de Carlo Ancelotti, Ray Wilkins. Segundo o meia inglês, foi realmente apenas uma coincidência.

"As coisas são importantes fora de campo, mas somos bons o bastante para vencermos times para os quais estamos perdendo. Como pessoas, poderíamos usar o que aconteceu com Ray como uma desculpa, mas temos que jogar bem apesar disso. Vencemos o double (Campeonato Inglês e Copa da Inglaterra) ano passado, todos juntos, incluindo o Ray, mas o clube tomou uma decisão e se Roman Abramovic (dono do time) não estivesse aqui, não teríamos conquistado três títulos da Premier League", afirmou, lembrando os troféus de 2005 e 2006.

Atual campeão inglês, o Chelsea começou esta edição arrasador, com duas goleadas por 6 a 0 sobre West Brom e Wigan. No entanto, atualmente ocupa apenas a quinta colocação com 35 pontos.

Leia tudo sobre: Futebol MundialInglaterraPalmeirasChelseaLampard

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG