Eles não sabem o esforço que eu fiz para voltar - Futebol - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Kleber critica diretoria do Palmeiras: Eles não sabem o esforço que eu fiz para voltar

Atacante afirma que não teve todas as promessas cumpridas, mas que nunca reclamou disso em público

iG São Paulo |

Kleber não poupou críticas à diretoria palmeirense. O atacante atirou para todos os lados na saída dos vestiários da Arena Barueri neste domingo após a derrota para o Fluminense e disse que não cobra nenhuma das várias promessas que fizeram para ele antes dele assinar o contrato de volta ao Palestra Itália, deixando o Cruzeiro.

"O clube tem de ser profissional e tem de tratar dos problemas internamente. Eles não sabem o esforço que eu fiz para voltar ao Palmeiras. Prometeram salário em dia, carro, título de sócio remido, mas estão há dois meses sem pagar os direitos de imagem. Mas não é por isso que eu posso deixar o Palmeiras. Para mim não faz muita diferença. Quando eu vim para cá, eu sabia que estavam devendo quatro meses de salário. Eu, como capitão, precisava motivar o time. Mas como vou fazer isso?", afirmou o atacante.

Apesar de confirmar que ainda não recebeu todos os pagamentos que precisa, Kleber disse que nunca falou em público que estava incomodado com essa situação. 

"Falaram para ele que eu estava insatisfeito com o atraso de salários, mas eu nunca vim reclamar em público. Ele falou que se eu estivesse incomodado eu poderia sair. O clube é assim, se tiver proposta e precisar fazer caixa, eles podem fazer. Mas se alguém achar mesmo que eu estou incomodado com isso, eu saio", disse ele, que completou.

"Eu nem ligo para o que alguns falam. Eu tento pensar mesmo no que a torcida pensa de mim. Preciso deixar de lado certas declarações", finalizou o jogador.

Kleber voltou ao Palestra Itália enquanto Luiz Gonzaga Belluzzo era presidente, e Gilberto Cipullo, diretor de futebol. As polêmicas atuais envolvem Fábio Raiola, assessor especial de Salvador Hugo Palaia, e o diretor de futebol, Wlademir Pescarmona, todos que assumiram após a licença de dois meses de Belluzzo.

As declarações vieram à tona logo após a eliminação do Palmeiras na Copa Sul-Americana contra o Goiás no meio de semana.

O Palmeiras joga neste domingo contra o Cruzeiro, em Minas Gerais. A maioria dos titulares deve receber folga ainda nesta semana. A reapresentação do elenco só acontecerá no fim de tarde da próxima terça-feira.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirofutebolpalmeiras

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG