Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Kleber apresenta nova camisa e avisa: "O time está mais maduro"

Atacante do Palmeiras destaca evolução no desempenho e afirma que time está pronto para pegar o Corinthians

Danilo Lavieri, iG São Paulo |

Gazeta Press
Kleber apresenta a camisa do Palmeiras com o novo patrocínio
“Hoje, nosso time está muito mais maduro”. É assim que Kleber define o Palmeiras a dois dias da semifinal do Paulistão diante do Corinthians . Na coletiva de imprensa que o clube também utilizou para apresentar a escola de idiomas Skill como nova patrocinadora, o camisa 30 palmeirense afirmou que o time evoluiu muito desde a eliminação sofrida diante do Goiás, na Copa Sul-Americana do ano passado.

Kleber, aliás, afirma que nenhum jogador esperava chegar tão longe como em uma semifinal da Copa Sul-Americana, por exemplo. Para ele, o início de trabalho de Felipão servia apenas para o treinador dar uma cara ao time.

“No ano passado, foi criada uma expectativa em cima de uma coisa que não poderia ter sido criada. E mesmo sendo formado em cima da hora, conseguimos chegar até a semifinal, coisa que muita gente, nem mesmo os jogadores esperavam. Acho que a gente não estava preparado. Hoje, o time está muito mais maduro para os jogos importantes”, resumiu Kleber.

Um dos grandes destaques do Palmeiras na temporada e ídolo da torcida, o jogador reconhece que nesta hora é preciso chamar a responsabilidade e afirma que tentará de todas as formas corresponder às expectativas.

“Acho que é a hora de todo mundo chamar a responsabilidade. Lógico que a gente espera mais de alguns jogadores e tenho certeza de que vamos corresponder. É a hora de dar o máximo, porque é um clássico e dá vaga para uma final”, afirmou Kleber.

Pelo Palmeiras, Kleber nunca marcou gols sobre o Corinthians, mas diz não se preocupar com a marca negativa. Ele, inclusive, elogia bastante o goleiro Júlio César e reconhece que será difícil balançar as redes do adversário. O atacante até usa o 1º turno do Paulistão como lição e pede muito mais atenção para seus companheiros.

“Eu joguei pouco contra o Corinthians, mas já marquei contra eles pelo Cruzeiro. Acho que fiz três jogos só pelo Palmeiras e um deles entrei faltando dez minutos para o jogo acabar. Eu até chutei a bola e o Júlio César fez uma defesa quase impossível e depois o Valdivia fez o gol”, relembrou Kleber antes de elogiar o camisa 1 corintiano. “O Júlio César é muito bom, faz defesas excepcionais e a gente pressionou os caras de todas as formas no 1º turno. Agora, não podemos vacilar, dar chances para eles crescerem, é um clássico importante”, finalizou. 

Leia tudo sobre: palmeirasklebercampeonato paulista 2011uniforme

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG