atacante de ponta - Futebol - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Keirrison é reprovado nos testes e Santos busca atacante de ponta

O técnico Adilson Batista, que assume o comando do time em janeiro de 2011, pediu a contratação de um atacante renomado no futebol

Samir Carvalho, iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237854570485&_c_=MiGComponente_C

O atacante Keirrison não passou na avaliação do técnico interino Marcelo Martelotte. O treinador não esconde que o camisa 9 não voltou a jogar o futebol apresentado no Coritiba e Palmeiras. Desta forma, o técnico Adilson Batista, que assume o comando da equipe no dia 3 de janeiro, já pediu a diretoria santista à contratação de um centroavante renomado no futebol.

Entendo que qualquer tipo de contratação que seja pensada pelo Santos, deve ser com jogador de ponta, de qualidade, que venha qualificar o grupo de uma maneira geral. Se vai ser o camisa 9 ou 18 vai depender do que mostrar nos treinos, mas entendo que contratação precisa sempre se pensar no melhor, afirmou Marcelo Martelotte, que esperava uma sequência de jogos a mais de Keirrison.

Diante do que ele já fez anteriormente nós entendemos que se ele tivesse uma sequência maior ele poderia ter chegado mais próximo do que apresentou no Coritiba e no Palmeiras. Fizemos observações em cima de possibilidades físicas dele, lógico que esperava uma sequência maior, mas achamos satisfatório o tempo que tivemos para avaliar a condição dele, disse.

Contratado pelo Santos em julho deste ano, o atleta disputou apenas 12 partidas pelo clube e marcou apenas três gols. Se não bastasse, desde que deixou o Palmeiras na temporada passada para atuar na Europa, o atacante só balançou as redes em sete oportunidades.

Na temporada passada, Keirrison foi contratado pelo Barcelona, da Espanha, onde não foi utilizado e saiu por empréstimo para jogar no Benfica, de Portugal, e na Fiorentina, da Itália. No clube português foram apenas sete jogos, e dois gols marcados (média de 0,28 por jogo). Já na Fiorentina foram 11 exibições, e novamente dois gols marcados (média de 0,18 por partida).

Antes de deixar o futebol brasileiro, Keirrison foi artilheiro no Coritiba, onde foi revelado, e aumentou sua média de gols, quando foi contratado pelo Palmeiras. Pelo Coritiba, o atacante fez 122 jogos, e marcou 65 gols (média de 0,54 por partida). Enquanto no Palmeiras foram 35 partidas, e 24 gols (média de 0,69 por jogo).

Martelotte aprova Zé Eduardo e Alan Patrick
O técnico Marcelo Martelotte fez questão de elogiar o atacante Zé Eduardo e o meia Alan Patrick, que conquistaram a posição de titular depois que o interino assumiu o comando da equipe na vaga de Dorival Júnior.

Alguns jogadores nesse momento tiveram uma projeção maior, o Ze Eduardo é um exemplo disso. Ele aproveitou bem e entendemos que tenha se valorizado bastante. O Alan Patrick teve oportunidades que não tinha, foi amadurecendo, e em 2011 vai ser um jogador mais preparado, analisou Martelotte.

Leia tudo sobre: campeonato brasileirofutebolsantos

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG