Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Juventus aproveita tropeço do Milan, bate Palermo e volta a liderar

Bonucci e Quagliarella marcaram no segundo tempo e garantiram o placar que recolocou o time na ponta

Gazeta |

A Juventus retomou neste sábado a liderança do Campeonato Italiano . A equipe de Turim subiu ao gramado do Estádio Renzo Barbera ciente da derrota do então ponteiro Milan para a Fiorentina e não desperdiçou a oportunidade de tomar-lhe a dianteira, vencendo o Palermo por 2 a 0, com gols de Bonucci e Quagliarella no segundo tempo.

Deixe sua mensagem e comente a notícia com outros torcedores

Restando agora sete rodadas para o término da competição nacional, a Juventus soma 65 pontos contra 64 do Milan, que se vê ultrapassado após conquistar apenas um ponto nas duas últimas partidas - antes do revés de virada por 2 a 1, neste sábado, só empatou com o Catania.

Getty Images
Bonucci, à direita, ao lado do zagueiro Chiellini comemora o primeiro gol da Juventus na vitória sobre o Palermo

VEJA A SUPERGALERIA DE FOTOS DA RODADA DO FIM DE SEMANA NO FUTEBOL EUROPEU

Único invicto, o time comandado pelo técnico Antonio Conte vinha flertando com a ponta da tabela há muito tempo, porém pecava pelo excesso de duelos empatados. Dos 31 jogos disputados pela Juventus até aqui, 14 terminaram em igualdade, sendo que o Milan acumula cinco derrotas, mas apenas sete empates.

O jogo

Neste sábado, a torcida finalmente pôde celebrar a liderança. A festa, no entanto, só começou no segundo tempo. Aos dez minutos, Pirlo cobrou escanteio com efeito pelo lado esquerdo e encontrou Bonucci. O zagueiro desviou de cabeça e ainda viu a bola passar entre os braços do goleiro Viviano e tocar a trave direita antes de entrar.

ACOMPANHE: Fiorentina apronta e Milan perde em casa no retorno de Cassano

O time da casa esboçou reação aos 22 minutos. Miccoli fez boa jogada individual pelo lado direito da área e chutou cruzado, mas ninguém chegou a tempo de empurrar para a rede. Só que, dois minutos depois, Quagliarella recebeu na entrada da área e tocou rasteiro com o pé esquerdo, de primeira, no canto direito do goleiro, para ampliar a vantagem da Juventus.

No apito final, o agradecimento pelo tropeço do Milan para a Fiorentina. A única boa notícia para o antigo líder foi a volta de Cassano, que não atuava desde outubro passado por causa de acidente vascular cerebral. O atacante deixou a reserva aos 39 minutos da etapa final e viu sua equipe sofrer o segundo gol da virada nos acréscimos.

LEIA MAIS: Prejuízo dos clubes italianos supera R$ 1 bilhão

Agora no topo do Italiano, a Juventus tem novo compromisso na quarta-feira, dia em que recebe a Lazio, no Olímpico. No mesmo dia, o Palermo, ainda com 39 pontos, visita a Fiorentina.

Leia tudo sobre: futebol mundialitáliajuventus

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG