Tamanho do texto

Advogado Arthur Lavigne afirmou que deverá entrar com um habeas corpus nesta quarta-feira

O juiz Carlos Eduardo Carvalho, da Vara de Execuções Penais do Rio de Janeiro, expediu mandado de prisão contra o ex-jogador e comentarista Edmundo . Trata-se de um processo em que ele já tinha sido condenado em 1999 a quatro anos e seis meses de prisão pelas mortes de três jovens em um acidente na Lagoa, na zona sul da capital carioca, em dezembro de 1995.

Na época do acidente, Edmundo atuava pelo Flamengo . Ele foi condenado pelas mortes de Joana Maria Martins Couto, que estava no carro dirigido pelo então jogador e de Alessandra Cristini Pericier Perrota e Carlos Frederico Brites Tinoco Pontes, que estavam no outro veículo envolvido no acidente.

nullO advogado de Edmundo, Arthur Lavigne, afirmou que deverá entrar com um habeas corpus nesta quarta-feira, pois o Ministério Público já teria reconhecido a prescrição do crime em 2010.

O ex-jogador também foi condenado pelas lesões corporais provocadas em Roberta Rodrigues de Barros, Débora Ferreira da Silva e Natasha Marinho Ketzer. Por conta desta condenação, Edmundo só ficou preso dois dias mas acabou solto após um habeas corpus.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.