Rafael Marques, que chegou a ser liberado pela direção, volta a ser titular de Renato Gaúcho

Foi um treino para ser esquecido. Em pouco menos de uma hora, o técnico Renato Gaúcho precisou interromper o trabalho para atendimento médico a dois jogadores. Junior Viçosa e Adilson sentiram problemas físicos e viraram dúvidasdo Grêmio para enfrentar o Atlético-PR, domingo, em Curitiba, pela segunda rodada do Brasileirão.

O coletivo, realizado no gramado suplementar do Olímpico, na tarde desta quinta-feira, havia começado com uma surpresa. Depois de ter sido liberado pela direção e ser definido como reserva por Renato Gaúcho, Rafael Marques voltou a ser titular – entrou na vaga do machucado Rodolfo. Lins, substituto de Leandro, igualmente lesionado, era a outra novidade da atividade.

Então, a bruxa passeou pelo Olímpico. Primeiro foi Viçosa Em um lance com Rene, o centroavante se desequilibrou, pisou na bola e torceu o pé direito. Entrou Roberson. Depois, Adilson reclamou desconforto muscular na virilha esquerda. Fernando foi escolhido como substituto.

O time que treinou: Victor; Mário, Saimon, Rafael Marques e Neuton; Fábio Rochemback, Adilson (Fernando), Lúcio e Douglas; Lins e Junior Viçosa (Roberson). O Grêmio já tinha os desfalques de Gabriel e Vilson e outros mais antigos como André Lima, Bruno Collaço e Mateus Magro.

A escolha por Rafael Marques se explica pela falta de opções no elenco. O assessor de futebol Cesar Cidade Dias comentou:

“Ele é um jogador que recebe muitas sondagens. Elas não evoluíram e continua no grupo”.

O Grêmio treina ainda nesta sexta-feira. Até lá, os machucados farão tratamento. A partida no domingo começa às 16h.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.