Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Juninho diz que, para azar do Vasco, Santos cresceu na hora certa

Meia alerta para o perigo de os jogadores da Vila estarem motivados com a retomada das vitórias

Hilton Mattos, iG Rio de Janeiro |

A máxima que a partir de agora cada jogo é uma decisão para os clubes que brigam pelo título é coisa batida. Mas há casos em que a dor de cabeça é inevitável. Domingo, na Vila Belmiro, o Vasco terá a dura missão de enfrentar um time que se arma para o Mundial de Clubes da Fifa liderado por um craque na lista dos melhores do mundo.

Vasco é o vice-líder do Brasileirão. Veja a tabela de classificação

Campeão da Libertadores , o Santos caiu de produção no começo do Campeonato Brasileiro . Neymar e Ganso andaram servindo à seleção brasileira , o time tropeçava sem parar e muitos acreditavam que a equipe abrira mão da competição nacional para, no fim do ano, dedicar-se somente ao tão sonhado tricampeonato mundial - vencera em 1962 e 62.

Veja também: Apesar de tentativa de mudança, Vasco x Botafogo será no Engenhão

AE
Juninho não esconde a preocupação com o Santos
Mas, aos poucos, o Santos vem readquirindo a velha forma e o técnico Muricy Ramalho já avisou que "acabou a moleza". Tanto que já prometeu ir "com tudo" para cima do Vasco com o objetivo de arrumar o time para o Mundial. Em São Januário, Juninho Pernambucano comentou a dificuldade que será a partida do fim de semana.

Na opinião do meia, o time de Muricy cresce a hora certa - para azar do Vasco.

"Muricy já testa a forma completa. Acho que é ruim para a gente, pois o Santos tem um excelente time. Mostrou isso ganhando a Libertadores, depois foi mal no Brasileiro, mas já voltou a ser forte de novo", anaisa Juninho.

O meia vascaíno vai além. Ele acredita que esta virada representa muita coisa para os comandados de Muricy. A confiança dos jogadores adversários, na opinião de Juninho, aumenta.

Siga o Twitter do iG Vasco e receba notícias do time em tempo real

"Talvez tudo isso, eles terão um grupo muito motivado. E neste caso, óbvio, o Santos se torna um adversário mais forte, pois não tem preocupação com posição na tabela e nem com resultado. Então, eles vão jogar soltos".

 Entre para a Torcida Virtual do Vasco e comente o futuro de Juninho

Leia tudo sobre: vascojuninhoneymarbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG