Treinador indicou volta de lateral-esquerdo ao time. Falta definir quem sai: Collaço ou Escudero

O retorno de Lúcio ao time titular deve ser a mudança mais vistosa no Grêmio após o fraco desempenho no empate com o Figueirense . Na entrevista coletiva desta sexta-feira, o técnico Julinho Camargo não só indicou como apontou a escalação do lateral-esquerdo como importante para melhorar o nível de atuação da equipe no Brasileirão. O próximo jogo é contra o América-MG, dia 27, no Olímpico.

Entre para a Torcida Virtual do Grêmio e convide seus amigos

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

Tudo passa pela necessidade de aprimorar as jogadas ofensivas, principal problema apresentado desde a mudança no comando técnico. Julinho entende que a equipe se defende bem, porém, tem pouca posse de bola e, portanto, dificuldades em agredir os adversários.

“Quando Lúcio entrou no jogo (diante do Figueirense) passamos a ter mais a bola e a equipe teve mais volume. Chegamos mais ao ataque. Me agrada a maneira dele atuar”, disse Julinho.

Falta definir quem sai: Bruno Collaço ou Escudero. Caso o primeiro seja escolhido, Lúcio atuará como lateral. Será meia se substituir o segundo.

“Gosto de desempenho do Lúcio nas duas funções e, como Collaço e Escudero vêm fazendo bom trabalho, posso utilizá-lo em qualquer uma”, completou Julinho, que ao assumir o clube disse preferir ter Lúcio como lateral.

A definição da equipe deve ocorrer no final de semana. O Grêmio treina sábado e domingo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.