Roger de Souza estava emprestado ao Botafogo-SP e faleceu em um motel na cidade de Guarulhos

Roger chegou ao Botafogo-SP no começo de 2011
Divulgação
Roger chegou ao Botafogo-SP no começo de 2011
O atacante Roger de Souza, de apenas 21 anos de idade, foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira em um motel da cidade de Guarulhos (na grande São Paulo), sob circunstâncias ainda não esclarecidas. O jogador pertencia ao Coritiba , mas estava emprestado ao Botafogo de Ribeirão Preto para disputa do Campeonato Paulista .

De acordo com os registros do motel, Roger de entrada por volta das 17h de domingo. Já nesta segunda pela manhã, uma funcionária entrou no quarto para realizar a limpeza e o atleta já se encontrava morto. Não há informação se ele estava acompanhado.

O advogado do clube paranaense, Lucas Pedroso, seguiu para São Paulo junto com o irmão mais velho de Roger, André, para tomar todas as providências em relação ao translado do corpo ao Paraná. O sepultamento deve acontecer na cidade de Bandeirantes.

Tanto o clube paulista quanto o paranaense divulgaram uma nota oficial de pesar em seus respectivos sites pela morte do atleta. O presidente do Botafogo, Luiz Pereira, inclusive, declarou luto oficial no clube. Já o Coritiba aguarda ainda por um laudo do IML (Instituto Médico Legal) de São Paulo para se pronunciar oficialmente sobre a ocorrência. O alviverde também decretou luto oficial de três dias.

No sábado, Roger participou normalmente do treinamento do Botafogo, em Ribeirão Preto, mas como não foi relacionado para a partida de domingo contra o Ituano, em Itu (derrota por 3 a 1), ganhou folga da comissão técnica.

Além de Coritiba e o Botafogo, o atacante também defendeu o Rio Branco e Pato Branco, ambos do Paraná, Juventus, de São Paulo, e Luverdense, de Mato Grosso.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.