Para a Gazzeta Dello Sport, time de Mano Menezes caiu demais e não pode ficar sem o atleta do Flamengo daqui em diante

A imprensa italiana elogiou nesta terça-feira a boa fase do atacante brasileiro Ronaldinho Gaúcho e opinou que a seleção brasileira de Mano Menezes não poderá jogar sem ele. O astro do Flamengo foi convocado para o amistoso contra Gana , dia 5 de setembro, em Londres.

"No final, a bola volta sempre para aqueles que a tratam melhor", atestou o periódico italiano La Gazzetta Dello Sport na extensa matéria "A silenciosa revanche dos últimos números 10", sobre a atuação do atleta brasileiro e do argentino Juan Román Riquelme.

Para o jornal, Argentina e Brasil "não poderão jogar sem eles". Ambos, como recorda a Gazzeta, foram recentemente reintegrados a suas respectivas seleções. Devem se enfrentar nos jogos marcados para 14 e 28 de setembro, na Argentina e no Brasil, só com atletas que atuam nos dois países.

A publicação ainda teceu críticas à seleção brasileira, atestando que a convocação de Ronaldinho ocorre após um resultado "da decadência de um Brasil que despencou do mito de equipe número um do planeta para a medíocre formação da última Copa América".

Entrevistado pelo jornal, Ronaldinho, que ficou de fora da escalação brasileira para a Copa do Mundo de 2010, declarou que deseja "ganhar o Mundial de 2014 com o Brasil".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.