Técnico entende que a gordura que o time adquiriu nas primeiras rodadas foi fundamental para a sequência

Comandante da grande sensação desta reta final de Campeonato Brasileiro , o técnico Jorginho faz questão de lembrar que o fato de o Figueirense ocupar a quarta colocação do torneio nacional é mérito de um bom início no torneio. Para o treinador, a gordura que o time adquiriu nas primeiras rodadas foi fundamental para a sequência.

"O nosso bom desempenho no começo foi essencial. Nós construímos uma gordura que ajudou a manter a tranquilidade da equipe, mesmo quando nós não conseguíamos vencer dentro de casa, quando nos afastamos da parte de cima da tabela", comentou, em entrevista à "ESPN Brasil", lembrando também a paciência da diretoria no início da temporada.

"Eles poderiam ter me mandado embora quando nós fomos eliminados do segundo turno do Catarinense, mas acreditaram no trabalho. Depois disso, o nosso planejamento e a seriedade de todos fez a diferença", afirmou.

Segundo o comandante, se mantiver o futebol que vem apresentando no segundo turno (já são 13 partidas sem perder), os alvinegros têm tudo para chegar na Libertadores e, em suas palavras, "até em algo maior".

"Se continuarmos jogando bem em casa, mantendo o mesmo nível de atuação e, principalmente, conquistar resultados diferentes, como as viradas contra América-MG e Atlético-MG, e as vitórias fora de casa, estamos no caminho certo", completou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.