Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Jorge Wagner valoriza atuação do Kashiwa e confia no Santos na final

Meia brasileiro estava otimista com a possibilidade de levar o time japonês à decisão

Gazeta |

Reuters
Jorge Wagner lutou, mas não conseguiu evitar a derrota do Kashiwa Reysol
O meia Jorge Wagner ficou conformado com a derrota por 3 a 1 do Kashiwa Reysol para o Santos , em semifinal do Mundial de Clubes disputada nesta quarta-feira. Embora estivesse otimista para a partida, o jogador brasileiro do time japonês reconheceu a superioridade do adversário.

Leia também: Com golaço de Neymar, Santos vence Kashiwa e espera Barcelona

"Foi um jogo válido para nós. Serviu como experiência. Estávamos muito confiantes, mesmo sabendo que o Santos é uma boa equipe, com jogadores de qualidade. Infelizmente, não conseguimos a classificação", lamentou Jorge Wagner, destacando a atuação do Kashiwa Reysol.

"Tivemos oportunidades de fazer mais gols, de empatar a partida e de complicar o jogo para o Santos. Isso não me surpreendeu em nada. Estávamos acreditando na vitória, por tudo o que apresentamos no ano. Fomos campeões da J-League, mesmo enfrentando jogos difíceis", comentou.

Confira a tabela do Mundial de Clubes

Agora fora da disputa pelo título mundial, Jorge Wagner acha que o Santos tem condições de derrotar o Barcelona (que ainda precisa confirmar a sua classificação, diante do Al Sadd, na quinta-feira) em uma decisão."Vamos aguardar. Será a final que todo mundo está esperando: Santos e Barcelona . Acredito que o Santos conta com grandes jogadores, capazes de decidir essa partida em uma jogada individual", opinou Jorge Wagner .

A final do Mundial de Clubes está agendada para as 8h30 (de Brasília) de domingo, em Yokohama. Nos mesmos dia e local, mas às 5h30 (de Brasília), o Kashiwa Reysol de Jorge Wagner disputará o terceiro lugar do torneio contra o perdedor do confronto entre Al Sadd e Barcelona.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG