Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Jogar com o Brasil é irresistível, diz técnico da Escócia

"Nossa equipe vai gostar de testar suas habilidades contra uma das melhores seleções do mundo", disse Craig Levein

Gazeta |

Nesta terça-feira, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) anunciou que o Brasil vai jogar um amistoso contra a Escócia, em 27 de março, no estádio Emirates, em Londres. O técnico dos britânicos, Craig Levein, exaltou a oportunidade de enfrentar a seleção brasileira e a considerou irresistível.

"Esta partida não só instigará a imaginação dos torcedores escoceses, como também da equipe, que vai gostar de testar suas habilidades contra uma das melhores seleções do mundo. Embora eu acredite que o aspecto mais importante do amistoso seja cultivar a cultura escocesa dentro do plantel, a oportunidade de jogar contra o Brasil é irresistível", comentou.

O time escocês vem de duas boas vitórias por 3 a 0 em um amistoso contra Ilhas Faroe e pelas Eliminatórias da Eurocopa de 2012 sobre a Irlanda do Norte. Além disso, fez jogo duro com a atual campeã do mundo Espanha, perdendo por apenas 3 a 2.

O retrospecto recente faz com que o comandante da 52ª equipe no ranking da Fifa (Federação Internacional de Futebol e Associados) se sinta confiante para o amistoso, apesar de enfrentar um país pentacampeão mundial, enquanto a Escócia só teve oito participações em Copas do Mundo.

Em uma delas, a de 1998, na França, os britânicos estrearam contra o Brasil, em Saint-Dennis. Com um gol de César Sampaio e outro de Tom Boyd, contra, o time do técnico Zagallo garantiu a vitória por 2 a 1, apesar do tento de John Collins.

"Acho que as performances recentes, não apenas os resultados, contra Ilhas Faroe e Irlanda do Norte, deram ao país inteiro mais confiança para a segunda metade das Eliminatórias e para o restante da temporada", explicou.

Nas Eliminatórias da Euro, o time de Craig Levein está na terceira colocação do Grupo I, com quatro pontos em quatro partidas, atrás da República Tcheca, com seis em três jogos, e da Espanha, com 100% de aproveitamento e nove pontos.

Leia tudo sobre: Futebol MundialSeleção BrasileiraEscóciaAmistoso

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG