Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Jogadores e comissão técnica fazem reunião secreta no Botafogo

Encontro de quase duas horas foi feito após as criticas do atacante Loco Abreu na vitória sobre o Duque

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

As criticas do atacante Loco Abreu sobre o esquema tático do Botafogo, após a vitória de virada por 2 a 1 sobre o Duque de Caxias, na última quinta-feira, não foram bem recebidas pelo técnico Joel Santana. Na reapresentação da equipe, na tarde desta sexta-feira, jogadores e comissão técnica fizeram uma longa reunião a portas fechadas, na sede do clube, em General Severiano.

Sem a presença de integrantes da diretoria, o encontro durou quase duas horas e foi realizado na sala de imprensa do clube. Após a conversa, os jogadores que não atuaram na partida contra o Duque de Caxias foram para o campo e realizaram uma atividade leve de controle de bola. Os titulares realizaram exercícios na academia.

Após a vitória sobre o Duque de Caxias, Loco Abreu reclamou da maneira de atuar do Botafogo, sugerindo que o time está jogando muito defensivamente. Na coletiva, Joel respondeu as criticas do atacante uruguaio e afirmou que é preciso respeitar a hierarquia no clube.

No Campeonato Brasileiro do ano passado, Loco Abreu e Joel Santana já haviam tido um atrito. Substituído contra o Prudente, o uruguaio discutiu com o treinador no banco de reservas, foi repreendido pela diretoria e multado pelo clube em 20% do salário. O jogador justificou a atitude dizendo que se tratava de uma diferença cultural entre Brasil e Uruguai, se desculpando pelo ocorrido.

No próximo domingo, o Botafogo enfrenta a Cabofriense, às 19h30, no estádio Cláudio Moacyr, em Macaé, pela segunda rodada da Taça Guanabara. A Cabofriense é lanterna do grupo B, depois de ter sido derrotada por 3 a 0 para o Macaé na estreia.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG