Comemoração por conquista sobre o Caxias foi feita no gramado do Olímpico

Foi Lupicínio Rodrigues, ao compor o hino do Grêmio , quem eternizou o apelido imortal. Ele sempre é lembrado em momentos de dificuldades. Não poderia ser diferente nesta quarta-feira à noite.

Depois de empatar com o Caxias aos 50 minutos do segundo tempo , os jogadores do Grêmio citaram a imortalidade ao comemorar o título do primeiro turno do Gauchão com a torcida no Olímpico. Até mesmo os mais novatos.

Rodolfo, contratado em janeiro, mostrou conhecer a história gremista:

“Sempre é assim. Este time nunca desiste e acredita sempre. Deu certo”.

Personagem ao defender duas cobranças na decisão por pênaltis, o goleiro Victor adotou o mesmo comportamento:

“Nos esforçamos demais, mas temos de parabenizar também o Caxias pelo trabalho. Fui feliz nas cobranças, mas também tenho que enaltecer as cobranças dos nossos jogadores”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.