Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Jogadores acham que o Inter será o mais visado na Libertadores

De volta a o futebol sul-americano, Cavenaghi foi vice artilheiro da competição na última vez que atuou

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

Atual campeão da Libertadores, o Inter começa a defender o título a partir de quarta-feira. Porém os jogadores acreditam que a missão de 2011 será ainda mais difícil, pois o clube gaúcho será o mais visado entre os 32 participantes.

“Todo mundo vai querer tirar uma casquinha do campeão. Temos um time experiente e pronto para lidar com esta situação”, avisou o goleiro Lauro.

Até mesmo o recém chegado Cavenaghi já percebeu que o Inter encontrará grandes dificuldades na competição. O argentino prevê a necessidade de um grande esforço para conseguir as vitórias.

“Estamos representando o campeão da Libertadores. Sabemos que em todas as partidas vão nos esperar assim. Teremos que dar 120% para ganhar as partidas. Estou muito orgulhoso de poder jogar na equipe campeã”, disse.

Cavenaghi volta a disputar o torneio depois de sete anos. Em 2004 ele jogou a Libertadores pela última vez. Com a camisa do River Plate fez 6 gols e foi vice artilheiro daquela edição. Ele ainda anotou 3 gols em 8 jogos em 2003 e 2 gols em 3 jogos na Libertadores de 2001.

O argentino deve começar a competição como reserva do Inter. Celso Roth vai optar pela dupla Zé Roberto e Leandro Damião. Para enfrentar o Emelec nesta quarta-feira, às 22 horas, o time terá: Lauro; Nei, Índio, Sorondo e Kléber; Wilson Matias (ou Bolatti), Guiñazu, Tinga e D´Alessandro; Zé Roberto e Leandro Damião. Os jogadores farão o conhecimento do estádio Geroge Capwell nesta terça-feira às 20 horas e 30 minutos.
 

Leia tudo sobre: InternacionalCavenaghiCopa Libertadores 2011Lauro

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG