Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Jogadoras culpam cansaço e retranca pelo jogo duro contra Holanda

Para Marta, a equipe brasileira sentiu o final da temporada

Gazeta Esportiva |

Quando todos esperavam o enfrentamento de um avassalador Brasil, que bateu o México por 3 a 0 na estreia, contra uma fraca Holanda, que foi goleada por 5 a 0 pelo Canadá no seu primeiro jogo, as holandesas surpreenderam todos os presentes ao estádio do Pacaembu, na tarde deste domingo. Em um jogo muito duro, o Brasil só conseguiu a vitória nos acréscimos da partida, com Gabriela.

Para Marta, a equipe brasileira sentiu o final da temporada. "Esse ano tem sido muito duro pra gente, tanto pra mim quanto para as meninas que jogam aqui, então pesou um pouco", falou a atacante, autora de dois gols no duelo.

Já Gabriela, que fez o gol da vitória canarinha, já nos acréscimos, culpou o posicionamento do adversário e elogiou a raça demonstrada pelas companheiras.

"Estou muito feliz. Foi o gol mais importante da minha carreira, ainda mais com a torcida empurrando até o final do jogo. A equipe holandesa veio muito fechada, mas mostramos que não é só de técnica que vive o futebol brasileiro. Temos também muita raça", comentou.

Com o resultado, o Brasil ficou em boa posição na competição, precisando apenas de um empate contra o Canadá para se classificar à final, provavelmente cotnra o próprio time canadense.

Leia tudo sobre: futebol feminino

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG