Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Jogadora da seleção militar de futebol é presa por roubo no RJ

Rayane Simões Lopes Monteiro, de 20 anos, é cabo da Marinha e integrava a equipe que disputará a 5ª edição dos Jogos Mundiais

Gazeta Esportiva |

Uma atleta da seleção feminina militar de futebol foi presa sob a acusação de roubo de um casal de adolescentes que circulava na cidade de São João do Meriti, no Rio de Janeiro. Rayane Simões Lopes Monteiro, de apenas 20 anos, é cabo da Marinha e integrava a equipe militar que disputará a 5ª edição dos Jogos Mundiais Militares neste ano.

A jogadora foi presa na noite de domingo, depois de ter abordado o casal de jovens de 16 e 13 anos, dizendo estar armados e exigiram os celulares e relógios das vítimas, além de uma quantia em dinheiro não revelada. Ela esteve acompanhada de Carlos Eduardo dos Santos Silva, de 25 anos, que já tinha passagem pela polícia.

Depois do roubo, os jovens informaram uma viatura da polícia que estava próxima ao local, e foi iniciada uma perseguição ao Fox preto em que Rayanne e Carlos estavam. Em dado momento, a militar perdeu o controle do carro e bateu contra uma mureta de proteção de uma via, sendo presos a seguir.

Foram encontrados no veículo um relógio, quatro celulaures e dois vidros de perfume, o que indica a prática de mais roubos naquela ocasião. As vítimas reconheceram os objetos roubados. Os dois foram autuados e podem pegar de quatro a dez anos de prisão.

Leia tudo sobre: seleção militarroubo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG