Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Jogador que chutou coruja revela ameaças na Colômbia

Com um golpe impiedoso, Luis Moreno foi o causador da morte da mascote do Junior Barranquilla

Gazeta |

nullApós agredir uma coruja durante uma partida do Campeonato Colombiano, Luis Moreno, do Deportivo Pereira, afirmou que vem recebendo ameaças pelo telefone e se diz muito chocado com o ocorrido. A ave era mascote do Junior de Barranquilla, rival do time na partida, e morreu na noite desta última terça-feira.

"Tenho recebido diversos tipos de ameaças. Não tive a intenção de machucá-la", contou o atleta panamenho. A coruja estava dentro de campo e levou uma bolada. Na sequência, Moreno a colocou para fora do gramado com um forte chute, causando a revolta da torcida e dos jogadores do Barranquilla.

"Está difícil sair de casa. Estou muito triste e espero resolver essa questão da melhor forma possível", continuou o jogador. A organização da Liga Colombiana prometeu punir Moreno pela agressão.

Fora das quatro linhas, além do cancelamento do amistoso entre a Universidad Tecnológica de Pereira e Deportivo Pereira, a morte da coruja deve provocar a realização de atos organizados por grupos ambientalistas.

Leia tudo sobre: Futebol MundialColômbiaCorujaLuis MorenoJunior

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG