Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Joel Santana volta a reclamar de postura da torcida do Botafogo

Treinador ficou insatisfeito com vaias para Somália e chegou a discutir com torcedores ao ser expulso

Gazeta Esportiva |

Joel Santana, técnico do Botafogo, deixou o Engenhão neste domingo após a derrota para o Vasco muito chateado com o comportamento da torcida. Primeiro porque ela não parou de vaiar Somália, ainda por causa de uma polêmica no início do ano, envolvendo a polícia, quando o jogador mentiu sobre um sequestro por ter chegado atrasado a um treino. Para o técnico, o jogador não pode ser castigado eternamente por uma falha de comportamento. Joel disse que é difícil trabalhar com um elenco onde a torcida pega no pé dos atletas e impede que eles tenham tranquilidade para trabalhar.

"Desde que cheguei aqui que vivo essa situação. Encontrei Alessandro, Lúcio Flávio, Fahel e Eduardo na lista negra da torcida. Agora é o Somália. Ele vai pagar a vida inteira por isso?", questionou o treinador, após a partida.

O técnico também não ficou satisfeito com os insultos que recebeu a partir da substituição de Everton. O jogador pediu para sair, mas os torcedores não entenderam a substituição e chamou o técnico de "burro" por vários minutos. Quando foi expulso, por reclamar da arbitragem, Joel foi mais hostilizado e acabou discutindo com alguns mais exaltados que desceram da arquibancada para ofender o treinador. Para Joel, a campanha feita pelo Botafogo não justifica o comportamento agressivo da torcida.

"Eles precisam ter mais paciência", pediu o treinador.

Reforço

O lateral-esquerdo Cortez, destaque do Nova Iguaçu no Campeonato Carioca, pode ser o primeiro reforço do Botafogo para o Campeonato Brasileiro. O jogador do time da Baixada Fluminense também interessa ao Flamengo, mas o clube de General Severiano saiu na frente da disputa pelo jogador.

Como Márcio Azevedo ainda não se firmou na posição, Cortez foi o primeiro procurado, Depois da partida entre os dois clubes, ele recebeu vários elogios da comissão técnica alvinegra, e o atacante Loco Abreu chegou a procurá-lo no vestiário para trocar de camisa com o jogador do Nova Iguaçu, confessando-se impressionado com o futebol mostrado naquela partida pelo jovem lateral.

Leia tudo sobre: campeonato carioca 2011botafogojoel santana

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG