Tamanho do texto

Treinador carioca justificou a permanência no clube pela boa temporada e ótima relação com a diretoria. Novo contrato firmado vai até dezembro de 2011

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882286650&_c_=MiGComponente_C

O técnico Joel Santana e a diretoria do Botafogo anunciaram nesta quarta-feira, em coletiva na sede de General Severiano, a renovação do contrato do treinador por mais um ano, até o final de 2011. Ao lado do vice-presidente de futebol, André Silva, Joel comemorou a continuação do trabalho e a temporada da equipe carioca em 2010.

"O Botafogo já tinha se manifestado a muito tempo sobre a nossa permanência. Eu nunca neguei, não com palavras, mas com atos, que a gente tinha interesse de ficar por mais um ano e dar sequência nisso. E é uma coisa que é muito difícil no futebol brasileiro atualmente. Poucos treinadores ficam mais de um ano em um clube", disse o treinador.

Joel justificou a renovação pelo bom relacionamento com os dirigentes e funcionários do clube, mas citou uma passagem especial que reforçou sua convicção para prorrogar o contrato. "Na semana passada, várias senhoras estiveram no clube, abriram uma faixa e pediram pela minha permanência. Botafoguenses de todo país me chamando para jantar. Eu aceitei o modo do Botafogo de ser e foi um ano muito bom na minha vida profissional. Às vezes não é só vencer o campeonato, mas a convivência diária, o bom dia do porteiro, o bom relacionamento. E acima de tudo ter confiança naquilo que estamos fazendo", revelou o Joel.

Milton Trajano

Confiante para 2011, o treinador já pensa em reforços, mas não revela nomes. "Temos que trazer jogadores para posições que nós vamos precisar. Mas não pergunte quais porque não nos reunimos com o vice-presidente ainda. Não vamos especular, quando tiver alguma coisa certa nós vamos anunciar. Vai passar tudo por uma peneira", disse o treinador.

Por fim, Joel deixa a possibilidade de renovar por mais um ano no final da próxima temporada. "É a quarta vez que trabalho aqui, não é fácil. De repente, no dia oito de dezembro do ano que vem, eu estou aqui de novo renovando por mais um ano. Acho que seria muito bom para todos".